Trabalho em equipe: o que é e qual sua importância para a organização?

Tempo de leitura: 8 minutos

Segundo Steve Jobs, um dos líderes mais famosos mundialmente: “Coisas incríveis no mundo dos negócios nunca são feitas por uma única pessoa, e sim por uma equipe”. Quem conhece um pouco de sua história, sabe que Jobs não transformou a Apple em uma das empresas gigantes da tecnologia sozinho — foi preciso muito trabalho em equipe. 

Além disso, um dos segredos do sucesso da Apple, era que Jobs não guardava suas ideias para si, na verdade, ele repassava todo seu conhecimento aos seus liderados. 

Logo, o que podemos concluir desse exemplo — e também de muitos outros cases de sucesso — é que a cultura do trabalho em equipe é fundamental para que os colaboradores possam melhor se desenvolver profissionalmente e como indivíduos, obtendo uma alta performance, bem como a empresa, que conquistará os melhores resultados.

Dentro da sua empresa já existe a cultura do trabalho em equipe? Caso ainda não, acompanhe este post e entenda a importância dela para a organização e como ela pode ser desenvolvida no time.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Mas o que é trabalho em equipe?

Podemos definir trabalho em equipe como um esforço conjunto de pessoas com competências diferentes e que atuam em prol de um objetivo em comum. 

Desde a pré-história, os primeiros homens ameaçados pelos perigos viram que era mais vantajoso se unirem para assegurar a sobrevivência, criando as primeiras tribos, utilizando cada uma de suas competências individuais em busca de um bem maior.

Dentro das empresas, o trabalho em equipe se tornou parte de uma cultura que não enxerga mais o colaborador como simples mão de obra, e sim como seu bem mais valioso. Assim, não cabe mais aquela filosofia de liderança centralizadora. 

Hoje, a tendência é que, cada vez mais, as organizações pratiquem uma visão compartilhada, facilitando a comunicação entre o time, a troca de ideias e a interdependência.

Qual a importância do trabalho em equipe nas empresas?

Atualmente, mesmo após tantas transformações na sociedade, quando falamos em ambiente corporativo, para que uma empresa possa sobreviver e crescer no mercado, é preciso que pessoas dos mais diversos perfis comportamentais trabalhem juntas, compartilhando suas hard e soft skills, criando insights e soluções criativas para a resolução dos desafios empresariais.

Além disso, o trabalho em equipe é uma ferramenta fundamental na gestão de pessoas para a identificação de lideranças. Isso porque, dentro de uma equipe, fica muito mais fácil reconhecer quem tem um perfil executor, ou seja, profissionais que contam com toda energia necessária para motivar e criar ideias que façam a equipe se sobressair e alcançar voos cada vez mais altos. 

Mesmo exigindo paciência e empatia, quando pessoas com as mais diversas competências, pensamentos e bagagens culturais diversificadas trabalham em equipe, surge um ambiente organizacional rico em conhecimento, o que faz com que os colaboradores se sintam muito mais motivados e engajados em cumprir seu papel dentro da empresa, resultando em dados incríveis. 

Importância do trabalho em equipe para o colaborador

Hoje, a maioria dos profissionais atuantes no mercado de trabalho, valoriza muito estar em uma empresa que proporciona conhecimento e investe no seu desenvolvimento profissional e pessoal.

Logo, quando a empresa incentiva o trabalho em equipe, todos podem aprender com as competências técnicas e comportamentais alheias, tornando o ambiente empresarial um lugar rico culturalmente. 

Assim, se dentro de uma equipe há uma pessoa que seja um ótimo comunicador, ela pode auxiliar outra que é mais tímida a se expressar com maior facilidade. Já um executor, por exemplo, pode contribuir para que uma pessoa mais analista se torne mais pró-ativa e menos exigente consigo mesma. 

Dessa forma, todos podem ressaltar seus pontos fortes e melhorar pontos que necessitam desenvolver, tornando-se profissionais e indivíduos ainda melhores.

BAnner_Aumentar_Resultados_Com_Perfil_Comportamental

O papel da liderança no trabalho em equipe

Segundo o autor Idalberto Chiavenato, especialista em gestão de pessoas: “O líder precisa inspirar e também desenvolver pessoas e equipes”.

Logo, podemos concluir que, um bom líder é aquele que consegue os melhores resultados, por meio do desempenho da sua equipe, sempre incentivando o crescimento e preservando a identidade comportamental do time. Isso porque, para ser um bom líder, o certo não é usar sua hierarquia para tentar influenciar ou mudar o comportamento dos seus liderados. 

O ideal é que um líder inspire seus colaboradores, realizando uma gestão por competências, administrando as diferenças, despertando o potencial de cada um em prol do objetivo maior, que é o da empresa. 

Além disso, é papel do líder acompanhar os indicadores de desempenho e produtividade da equipe. Assim, quando as metas são batidas e os objetivos são alcançados, também cabe ao líder elaborar ações e estratégias que recompensem o bom desempenho da equipe, como premiações.

Quais são os fatores que podem dificultar ou sabotar o trabalho em equipe?

Sabendo que as pessoas são diferentes e se comportam de maneiras distintas diante de um mesmo cenário, torna-se fácil compreender que trabalhar em equipe é um desafio que deve ser cumprido dia após dia em um ambiente organizacional.

Conheça agora alguns fatores que podem dificultar a aplicação da cultura do trabalho em equipe na empresa. 

Individualismo

O individualismo é um comportamento que tem crescido em uma sociedade cada vez mais tecnológica, onde quase tudo pode ser resolvido por um simples smartphone.

Ainda, com a expansão do trabalho em home office, em decorrência da pandemia do novo coronavírus, é natural que o colaborador se autogerencie e busque cada vez menos a colaboração dos colegas de equipe. 

Entretanto, essa individualidade traz impactos negativos, não só para o desenvolvimento profissional do colaborador, mas também pode prejudicar sua saúde mental, causando distúrbios, como depressão e síndrome do pânico.

Liderança despreparada

Como já citamos, para que uma equipe esteja alinhada em prol dos objetivos da empresa, é fundamental uma boa liderança. 

Mas quando o líder não tem preparo e faz uma gestão centralizadora, tomando decisões sem consultar a equipe, não se preocupando com o fator humano, somente cobrando resultados, é natural que o time não se sinta motivado e engajado.

Assim, o espírito de equipe não será desenvolvido, uma vez que os colaboradores não se sentirão valorizados como pessoa, vendo-se apenas como um simples “funcionário” que está ali somente para trazer lucro para a organização. 

Como resultado, o absenteísmo e o presenteísmo aumentarão e, até mesmo, a taxa de turnover crescerá, porque a empresa deixará de ser um bom lugar para se trabalhar.

Falta de comprometimento da empresa

Infelizmente, muitas empresas ainda não se atentaram para como uma gestão de pessoas com foco em comportamentos é fundamental no desenvolvimento de equipes de alta performance. 

Logo, quando a organização não investe em um setor de RH automatizado que, por meio de softwares com inteligência de dados, coleta e analisa informações sobre os perfis de cada colaborador, a gestão se torna ineficiente, por não contar com dados sólidos. 

Essas informações são fundamentais para, por exemplo, identificar perfis que estão faltando em determinada equipe para que ela alcance seus objetivos com maior facilidade e rapidez.

Comunicação ineficiente 

Esse é um dos principais fatores que contribuem para que o trabalho em equipe não funcione. Nesse sentido, para que um time seja eficiente na execução de suas tarefas, é preciso que todos estejam alinhados em seu papel e também informados do andamento do trabalho dos colegas.

Além disso, o trabalho remoto trouxe mais desafios na comunicação entre os integrantes de um time. Muitas vezes, as informações se perdem nos chats e e-mails. Ainda, uma mensagem escrita pode ser interpretada de forma errônea, comprometendo o entendimento e o desenvolvimento da atuação da equipe. 

Assim, mesmo que haja reuniões via videoconferência, nem sempre todos estarão envolvidos na conversa, por estarem preocupados com outros fatores do mundo presencial que podem desviar a atenção do colaborador.

como fazer pesquisa de clima - ebook

Como vimos, o trabalho em equipe, mesmo sendo uma tendência, é algo que já vem desde os primórdios e tem contribuído para o desenvolvimento da nossa sociedade como um todo.

Logo, é impossível que a sua empresa não utilize a cultura do trabalho em equipe e queira se manter no mercado, crescendo junto com ele. Por isso, você, como membro do RH, não deixe de buscar soluções para os desafios que sempre ocorrerão no ambiente empresarial, já que cada colaborador tem suas particularidades.

Por isso, continue seu aprendizado e descubra os benefícios das ações e estratégias da gestão por competências. Isso pode alavancar o desempenho da sua equipe e trazer resultados sólidos para a empresa.

5 1 vote
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments