Qual é o papel do CEO na gestão de pessoas?

Tempo de leitura: 6 minutos

Você sabe qual o papel do CEO em uma empresa e como ele pode ser decisivo na gestão de pessoas e no comportamento organizacional

Neste post, explicaremos sobre o cargo, quais as habilidades que esse profissional deve desenvolver e como ele pode auxiliar efetivamente no setor de RH. Tem interesse no assunto? Então, continue a leitura!

O que é um CEO?

CEO é a sigla para “Chief Executive Officer”, ou seja, diretor-executivo, o que consiste no cargo mais alto de uma empresa. Nesse contexto, suas responsabilidades e funções podem variar de acordo com o porte e o modelo de gestão da organização.

No entanto, esse profissional costuma ser o principal responsável pela tomada de decisões estratégicas, pelo gerenciamento de recursos e pela comunicação entre o operacional e o conselho de administração.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

O CEO pode ser nomeado por meio de um conselho de acionistas ou mesmo ser indicado por conta de sua experiência e reconhecimento de mercado. Além disso, muitas vezes, o diretor-executivo é o próprio dono do negócio, porém isso não é uma regra.

Quais as principais características e habilidades que um CEO precisa desenvolver?

O cargo de CEO é bastante estratégico e decisivo para o sucesso do negócio. Por isso, é fundamental que o profissional conte com um alto nível de competência, além de habilidades específicas, como as que veremos a seguir.

Capacidade de comunicação

Um dos principais papéis do CEO é ser o porta-voz da empresa. Já que ele é uma personificação do negócio e atua como uma ponte entre a organização e o mercado.

Sendo assim, é fundamental que esse profissional tenha boa capacidade de oratória para conseguir passar mensagens de modo transparente e compreensível, tanto para os gestores quanto para os colaboradores.

Inteligência emocional

O cargo de CEO centraliza inúmeras responsabilidades, além de uma grande quantidade de tarefas importantes para garantir o sucesso e o crescimento da empresa.

Toda essa pressão pode fazer com que muitas pessoas acabem sobrecarregadas e estressadas, resultando em problemas graves de saúde. Assim, é fundamental que esse profissional consiga desenvolver uma inteligência emocional para lidar com as cobranças de forma saudável.

Coragem para correr riscos

Empresas que se mantêm acomodadas, na zona de conforto, com medo de correr riscos, inevitavelmente acabam ficando para trás em um mercado que está sempre evoluindo. 

Por isso, é importante ter uma liderança que consiga atuar com estratégia e coragem, estando aberta a mudanças e novas propostas, mesmo que elas pareçam um pouco arriscadas. 

Nesse contexto, o CEO deve ser a pessoa que acredita no potencial do negócio e é responsável por impulsionar novas visões e possibilidades de crescimento.

Organização e visão ampla

Outra habilidade indispensável para o CEO é a capacidade de organização e foco para uma abordagem estratégica. Conseguir organizar os pensamentos e definir prioridades é crucial para uma liderança eficiente.

Além disso, é importante ter uma visão ampla do negócio e estar alinhado com a situação da empresa. Desse modo, é possível preservar a saúde de todos os setores, notar pontos de melhoria e garantir um suporte efetivo.

Liderança e motivação

Uma boa liderança é aquela que inspira e motiva sua equipe, demonstrando uma real preocupação com seus colaboradores. Assim, é importante que o CEO tenha boas habilidades de comunicação e esteja munido de empatia para lidar com os problemas da equipe.

Assim, com um bom diálogo e reconhecendo os resultados de cada colaborador, é possível melhorar a produtividade de toda a empresa e garantir mais motivação para os times.

Qual o papel do CEO nos setores da empresa?

O CEO é o profissional com maior nível hierárquico dentro de uma empresa. Assim, é ele quem dispõe de todo o conhecimento estratégico e organizacional para que o negócio alcance seus objetivos e metas.

Nesse sentido, a liderança desse profissional é fundamental para a criação e modernização da cultura organizacional, integração das equipes, gestão de recursos, além de atualização e diversificação dos serviços oferecidos.

Ademais, o CEO atua como porta-voz e é responsável por estruturar e dissipar a visão, missão e objetivos do negócio.

ebook gestão de talentos

Entendendo o papel do CEO na gestão de pessoas

Quando o assunto é gestão de pessoas, cabe ao CEO o papel de enxergar o valor dos colaboradores comprometidos e engajados e a importância da área de Recursos Humanos. Assim, esse profissional pode atuar diretamente no setor por meio de ações pontuais. A seguir, listamos algumas. Acompanhe!

Resolução de conflitos

É fundamental que o diretor-executivo tenha inteligência emocional e consiga liderar a gestão de pessoas mesmo na crise. Para isso, é preciso manter uma comunicação clara e buscar ações que melhorem o clima organizacional, auxiliando na qualidade de vida da equipe e diminuindo o índice de conflitos.

Feedbacks

Os feedbacks são ferramentas essenciais para melhorar o engajamento, alinhamento e transparência, além de contribuírem para o crescimento tanto dos colaboradores quanto do próprio CEO.

Assim, criar uma cultura de feedbacks pode ser uma excelente forma de garantir uma relação mais próxima com seu quadro de funcionários e impulsionar o negócio.

Valorização de um RH estratégico

O RH estratégico é responsável por operar análises comportamentais de modo a tomar decisões mais assertivas na gestão de pessoas. Dessa forma, o setor consegue administrar melhor seus recursos e promover uma parceria eficiente entre RH e os demais setores da empresa.

Portanto, o papel do CEO consiste em valorizar o departamento e entender a importância da participação ativa do RH na tomada de decisões e formulação de planos estratégicos.

Influência no comportamento

Mais uma vez, é importante deixar claro o papel do CEO como porta-voz da empresa. Nesse contexto, esse profissional é responsável pela criação da cultura organizacional, por isso, é fundamental que ele siga os padrões de comportamento, conduta e costumes definidos.

Dessa forma, é preciso que o diretor-executivo seja um exemplo a ser seguido e aja com transparência para manter as equipes motivadas e criar uma cultura sólida.

Como vimos, o papel do CEO na gestão de pessoas é fundamental para motivar e engajar os colaboradores e possibilitar que a equipe de RH consiga efetuar um trabalho estratégico e eficiente. Assim, é importante que o cargo de diretor-executivo seja assumido por um profissional empático e que tenha habilidades de comunicação e liderança.

Gostou do post? Então, continue por aqui e descubra também o que as melhores empresas para se trabalhar têm em comum.

5 1 vote
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments