Conheça 7 vantagens de utilizar o ponto eletrônico

Tempo de leitura: 4 minutos

O controle de ponto é uma das tarefas que faz parte da rotina do RH de uma empresa, além de ser uma atividade obrigatória no Brasil, tanto para o empregador quanto para o empregado. O ponto eletrônico chegou como um meio de otimizar esse processo.

Nesse caso, o controle de ponto digital é feito pelo colaborador por meio de um aplicativo no celular ou um dispositivo da empresa, como um notebook ou um tablet. Isso trouxe uma nova dinâmica para as corporações, tornando o procedimento mais rápido e preciso.

Pensando nesse assunto, reunimos 7 vantagens de utilizar um sistema de controle de ponto eletrônico. Com essa lista, você vai entender melhor como essa modernização pode transformar a rotina do RH e dos colaboradores de uma empresa. Confira!

1. Dá mais praticidade ao colaborador

Na rotina corrida, ter praticidade é ideal para facilitar as relações trabalhistas. Com o ponto eletrônico, o colaborador pode registrar a entrada e a saída por meio de um app ou no computador. Com as novas modalidades de trabalho, como o home office ou trabalho híbrido, essa tecnologia pode facilitar a marcação feita pelo profissional e a conferência feita pelo RH. 

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Nesse caso, é importante que o RH oriente os profissionais sobre o uso dessa tecnologia por meio de uma palestra, um e-mail ou até um tutorial. Isso evita dúvidas na marcação e garante mais precisão e aderência.

2. Melhorias na gestão de colaboradores externos

Se sua empresa conta com colaboradores em trabalhos externos, você sabe que é um pouco desafiador controlar a entrada e a saída deles. Entendendo melhor o que é ponto eletrônico, você percebe que ele facilita essa gestão, permitindo marcação à distância e recursos de geolocalização (GPS).

Além disso, o ponto eletrônico otimiza a rotina do colaborador externo. Como não precisa passar na empresa para registrar os horários, ele terá um ganho significativo de tempo no dia a dia. Tanto o RH quanto o profissional ganham vantagens com essa tecnologia.

3. Precisão no controle do banco de horas

O controle do banco de horas é uma das tarefas mais importantes do RH de uma empresa. Por meio dele, ocorre o cálculo do período trabalhado e de algum tempo extra realizado pelo colaborador, se houver, o que impacta diretamente na remuneração recebida.

O ponto eletrônico facilita esse controle, oferecendo mais precisão ao RH na hora de marcar as horas realizadas pelo profissional. Além disso, é possível conhecer mais sobre a rotina do colaborador e como ele registra as entradas e saídas.

4. Diminuição das fraudes no registro de ponto

Sabendo mais sobre como funciona o ponto eletrônico, você já deve ter notado que é um método mais seguro para controlar as horas trabalhadas. Além de oferecer mais precisão, ele pode evitar fraudes em alterações feitas pelos colaboradores ou pela própria empresa.

Alguns aplicativos de ponto ainda oferecem um serviço para reforçar essa segurança. Nesse caso, o colaborador deve tirar uma foto no momento do registro do ponto para comprovar a própria identidade. Isso evita que uma pessoa se passe pela outra.

5. Otimização na rotina do departamento pessoal

Os cálculos intermináveis e a burocracia podem deixar a vida do departamento pessoal muito mais difícil, não é mesmo? Com o ponto eletrônico, o controle das horas é otimizado, garantindo mais praticidade na rotina. Essa tecnologia ainda permite a emissão de relatórios e informações extras que podem ser necessárias.

Com a facilidade do ponto eletrônico, a empresa pode pensar em ações para melhorar o ambiente de trabalho, além, é claro, de revisar os gastos relacionados a horas extras, adicionais noturnos e outras variáveis possíveis na rotina dos colaboradores.

banner para baixar ebook sobre Automação no RH e DP: Guia completo para processos mais eficientes-ponto eletrônico

6. Queda no número de ações trabalhistas

Muitas ações trabalhistas podem ter origem em erros cometidos no controle da jornada de trabalho do colaborador, quando períodos feitos além do horário estabelecido não são computados nas remunerações.

Com sistema de ponto eletrônico, a ocorrência desses erros diminui significativamente e, como consequência, a empresa tem menos problemas legais com os colaboradores. Aliás, caso haja alguma incoerência, o departamento pode identificar rapidamente as causas e corrigir o que for preciso.

7. Redução nos custos

O ponto eletrônico não seria uma solução ideal se não gerasse uma economia financeira para as empresas, certo? Unindo todas as vantagens dessa solução, é possível perceber que os custos das corporações podem ter uma boa redução.

Isso não está só relacionado à mudança da rotina, para evitar que os colaboradores façam períodos extras, mas também à redução das causas trabalhistas, que geram danos financeiros à empresa.

Potencialize seu aprendizado

Após entender melhor sobre o ponto eletrônico, você já percebeu que ele é uma ótima ferramenta para facilitar a rotina do RH. Junto a esse assunto, é essencial conhecer mais sobre o cálculo do custo de um colaborador e como a tecnologia pode otimizar essa tarefa. Leia agora!

0 0 votes
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments