Os 5 erros mais comuns no recrutamento e seleção

Tempo de leitura: 3 minutos

Nem sempre a equipe de Recursos Humanos tem tempo suficiente para realizar uma boa pesquisa de candidatos e uma análise aprofundada deles.

Isso pode acarretar erros de recrutamento e seleção que decepcionam seu cliente interno e causam desmotivação na própria equipe de RH.

Para evitar esse tipo de situação na sua empresa, é preciso estar sempre atento aos principais erros nos processos seletivos. Acompanhe o post de hoje e descubra quais são eles:

1. Enganar-se pelas aparências

Por mais que seja politicamente incorreto e até mesmo desumano, a sociedade é muito ligada às aparências, principalmente a física. Muitos gestores acabam desconsiderando um bom profissional por conta de seu porte físico ou vestimenta.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Vale refletir que um bom currículo e conhecimentos técnicos não se encontra facilmente por aí. Portanto, induza seu cliente interno a pensar: a aparência física é possível melhorar rapidamente, mas o currículo não!

2. Acreditar cegamente no que o currículo diz

Um dos erros de recrutamento e seleção mais bobos, mas ainda comuns, é se basear apenas no que o candidato escreveu em seu currículo. Não realizar as devidas avaliações técnicas ou não compreender bem a vaga com a qual está trabalhando para fazer perguntas pertinentes pode gerar decepção na contratação.

Não pule etapas para agilizar o processo e realize todos os testes possíveis e necessários para validar as informações do candidato!

3. Não mapear o perfil comportamental

Saber o que motiva o candidato, quais são seus pontos fortes e limitações, o estilo preferido de relação interpessoal ou comunicação são apenas alguns dos tópicos que abordam o perfil comportamental.

Este mapeamento é importante e propicia maior segurança na escolha do candidato a ser contratado, retratando como ele se comportaria na execução de seu trabalho. Seja manualmente — o que demanda um pouco mais de tempo —, ou com a facilidade oferecida pelos softwares especializados em processos de seleção e recrutamento, não deixe de mapear o perfil comportamental dos candidatos!

4. Permitir interrupções

Da mesma forma que a empresa possivelmente vai exigir dedicação e foco do futuro colaborador, você precisa começar dando o exemplo. Não permita ser interrompido durante a entrevista e deixe seu telefone no silencioso.

Caso você esteja esperando um retorno da diretoria, por exemplo, avise sobre possíveis interrupções logo no início da entrevista, já se desculpando caso ela aconteça.

5. Falta de retorno aos candidatos

Este é um erro grave e que pode desconstruir toda uma imagem de marca. É fundamental pensar no candidato como um ser humano e executar o processo de seleção com empatia, se colocando no lugar do outro.

Portanto, mesmo que não possa realizar uma ligação dando um retorno negativo aos candidatos, redija um e-mail ou até mesmo um SMS, inclusive no início da seleção, notificando o recebimento ou recusa do currículo. Não deixe o candidato sem retorno!

Estas são apenas algumas dicas para não cometer erros de recrutamento e seleção de profissionais, evitando retrabalhos e não correndo o risco de contratar um profissional inadequado para a vaga.

Aproveite para manter-se atualizado e conhecer as 6 melhores ferramentas de recrutamento e seleção para facilitar as rotinas internas do setor de Recursos Humanos!

 


1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] exemplo, o participante de uma seleção tem todos os requisitos indispensáveis no que tange habilidades técnicas, entretanto, ele não se […]