O que é treinamento e desenvolvimento de pessoas?

Tempo de leitura: 10 minutos

Está sem tempo para ler? Experimente ouvir a narração deste artigo. Aperte o play!

Ao se considerar a velocidade com a qual o mundo evolui e se transforma continuamente, espera-se que, nas empresas, essa evolução também aconteça. Muitas vezes, o que fará com que sua organização esteja atualizada com as tendências será o treinamento e desenvolvimento de pessoas.

Mas para colocar em prática algum programa de treinamento e desenvolvimento, você precisa entender o que isso significa, quais são os objetivos e como elaborar com eficiência cada uma de suas etapas.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Continue a leitura deste post e esclareça todas essas dúvidas.

O que é treinamento e desenvolvimento de pessoas

Treinamento e desenvolvimento de pessoas (T&D) é um conjunto de procedimentos, que tem o objetivo de contribuir para a evolução de um colaborador a curto e longo prazo. Ainda, são ações previamente planejadas a serem executadas em favor do crescimento profissional do indivíduo, considerando vários aspectos, inclusive as soft skills.

Para esclarecer, softs skills são competências inerentes a um profissional que, necessariamente, não são adquiridas em sua formação acadêmica. Pelo contrário, geralmente, elas são agregadas ao longo do tempo, na medida em que ele passa por experiências organizacionais ou até mesmo na vida pessoal.

Porém, muitas vezes essas habilidades precisam ser aperfeiçoadas para exercer determinadas funções. Nesse momento, o T&D se faz inteiramente necessário. 

Mesmo que um colaborador tenha várias softs e hard skills compatíveis com o seu cargo e seja competente em suas funções, o treinamento e desenvolvimento sempre é uma solução cabível, uma vez que as coisas estão acontecendo de modo acelerado ao nosso redor. 

Hoje, as tecnologias avançam depressa, atualizações são feitas constantemente e as pessoas estão cada vez mais bem informadas e exigentes. Por isso, manter uma prática de T&D pode ser a chave para deixar a sua empresa sempre alinhada com as exigências do mercado.

Diferença entre treinamento e desenvolvimento de pessoas

Embora treinamento e desenvolvimento estejam interligados, existem algumas características que os diferenciam. Confira, a seguir.

Treinamento

O treinamento é um tipo de ensinamento que tem o objetivo de cumprir uma tarefa com resultado a curto prazo. Nesse caso, o aprendizado terá início, meio e fim, ou seja, um prazo determinado para ser executado com um objetivo pontual. 

Nesse sentido, um treinamento é aplicado, geralmente, para solucionar um problema imediato e está ligado a questões mais urgentes. 

Desenvolvimento

Já o desenvolvimento de pessoas se caracteriza por ser um tipo de aprendizado que visa o longo prazo. Significa que ele não tem apenas um objetivo específico, com um fim definido, já que o propósito do desenvolvimento é ampliar os conhecimentos e experiências continuamente

Sendo assim, ele não tem início, meio e fim, e sim uma linha de aperfeiçoamento constante. Ainda, o desenvolvimento se estende, inclusive, para o progresso do profissional, visando uma futura promoção desse colaborador. 

Mas embora sejam diferentes, esses dois métodos são complementares, pois é possível afirmar que o desenvolvimento é formado por uma série de treinamentos realizados, que estarão contribuindo para o desenvolvimento contínuo do colaborador.

Benefícios do T&D de pessoas

Depois de ler os motivos pelos quais você precisa gerar a ideia de implementar esse método de desenvolvimento em sua organização, agora, listaremos alguns dos benefícios que essa prática agrega para a sua empresa.

Melhoria no clima organizacional

Um profissional que tem a oportunidade de ser aperfeiçoado na sua função se sente mais satisfeito no cargo que ocupa. Desse modo, ele percebe que existe uma valorização do seu trabalho e nota que o que faz tem importância real.

Assim, ele lida melhor com seus colegas de time e se empenha em suas atividades. Além disso, é possível elaborar um treinamento especificamente com esse fim: aumentar o grau de satisfação da equipe com relação ao clima organizacional.

Aumento na produtividade

O treinamento e desenvolvimento das pessoas está diretamente relacionado ao crescimento da empresa de modo geral. Uma vez que, quando as pessoas são capacitadas, o nível de excelência das atividades desempenhadas tende a aumentar significativamente.

Além disso, sabe-se que pessoas satisfeitas produzem mais, trabalham com mais disposição e se engajam com intensidade no trabalho. Isso também resulta no aumento de produtividade do time, o que reflete no faturamento da empresa. 

Diminuição na taxa de turnover

Hoje, as pessoas não procuram apenas por empresas que pagam bem, a geração atual preza por estar em lugares onde elas têm possibilidade de crescimento, organizações que oferecem algo a mais do que uma remuneração financeira. 

Por isso, quando uma empresa fornece meios pelos quais elas podem ampliar seus conhecimentos e crescer como profissionais, sem dúvida escolherão permanecer nesse lugar, diminuindo assim a rotatividade de pessoas na sua empresa.

Redução de custos

Pessoas treinadas realizam suas funções com menor índice de erros. Ainda, depois que são ensinadas, suas habilidades ficam mais alinhadas e menos propícias a desperdícios, grandes falhas etc. 

Não apenas isso, mas também o fato de que diminui a necessidade de contratar novos colaboradores, quando as atividades exigidas estão de acordo com as especificações do cargo em questão.

Melhoria de employer branding

Ser bem-visto no mercado de trabalho é um grande desafio. Chamamos de employer branding o ato de tornar a sua empresa uma marca empregadora, ou seja, uma organização que atrai talentos.

Assim, incorporar o T&D na sua empresa contribui diretamente para essa tarefa. Já que, quando você mostra que sua organização se importa em desenvolver e treinar pessoas, isso é visto como um valor que vai além dos benefícios trabalhistas

Portanto, existe uma vantagem a mais de fazer parte do seu negócio, algo que diferencia entre as demais empresas. 

BAnner_Aumentar_Resultados_Com_Perfil_Comportamental

Tipos de treinamento e desenvolvimento de pessoas

Agora, conheça as opções existentes atualmente.

Técnico

O nome já esclarece bem a qual tipo de treinamento se refere. Aqui, há uma abordagem técnica, que pode se fazer necessária em algum momento ou em algum setor. Como sabemos, ferramentas se atualizam, outras novas são implementadas e processos sofrem alterações, logo, as pessoas precisam se adequar à nova realidade da empresa.

Um bom exemplo é a implementação da Lei de Proteção de Dados, que vai impactar diretamente o modo com o qual a empresa lida com informações pessoais. Certamente, cada organização precisará alinhar suas atividades e treinar pessoas para esse novo contexto.

Comportamental

Trata-se de um treinamento que desenvolve as soft skills de um colaborador. Ainda, é focado em alinhar as competências comportamentais necessárias para exercer um cargo. Assim, em uma posição de liderança, por exemplo, as habilidades de comunicação, gestão de pessoas e resolução de conflitos são indispensáveis. 

Então, se um líder precisa ter essas aptidões melhoradas, é possível elaborar um treinamento com esse objetivo.

Incentivo

Também podem ser feitos treinamentos motivacionais, para aumentar o engajamento da equipe com relação a algum novo projeto, uma nova gestão ou, até mesmo, para o trabalho do dia a dia.

Assim, é possível pensar em estratégias para incentivar as pessoas a “vestir a camisa”. Muitas vezes, um bônus financeiro não é a única solução para motivar um time, por isso, o treinamento com palestras, encontros fora do escritório, missões especiais etc., podem ser eficientes nesse sentido.

Onboarding

A integração de um novo colaborador ao time também exige um treinamento. O onboarding em si, já é uma preparação para deixar o profissional e o time ambientados com a pessoa (ou pessoas) que vai completar a equipe.

Nesse caso, será necessário comunicar quais são os valores da empresa, os costumes e regras gerais, quais são os processos que o time já utiliza, entre outras informações que são próprias de cada organização.

Embora esses treinamentos sejam mais pontuais, eles podem ser adaptados para se tornarem rotina em sua empresa, visando um desenvolvimento de longo prazo. Vale a pena, inclusive, fazer um calendário de intervenções para aplicar as capacitações e manter seu quadro de funcionários sempre atualizado tecnicamente e comportamentalmente.  

Como elaborar e aplicar T&D na sua empresa

A seguir, entenda como elaborar e aplicar o treinamento e desenvolvimento.

Pesquisa

Primeiramente, é necessário fazer uma pesquisa interna, para descobrir quais são as deficiências que a empresa está enfrentando. Essa etapa funciona como um diagnóstico, logo, para identificar a “doença” é preciso observar os “sintomas”.

Para isso, é aconselhável entrar em contato com os gestores de cada área e pedir que eles façam uma lista de questões que podem ser melhoradas dentro da sua área, em todos os aspectos. Para tanto, é possível aplicar questionários estratégicos para fazer esse mapeamento.

Planejamento 

Depois de apontar os problemas e defasagens de competências, você precisa relacionar os pontos de melhoria aos tipos de treinamento que serão necessários para suprir aquela carência.

Assim, é importante fazer um documento que demonstra essa relação de forma clara e objetiva, elencando qual é o problema e o tipo de treinamento que será aplicado. Assim, é possível ofertar uma capacitação que atenda a mais de um problema identificado, por isso, é necessário fazer esse estudo cuidadosamente. 

Nessa etapa, também é preciso definir os objetivos de cada ação, qual técnica utilizar, o orçamento para a realização do treinamento, quando será aplicado, a duração dessa ação e quais as pessoas responsáveis pela execução.

Execução

A fase de execução é justamente o “colocar a mão na massa”. É colocar em prática tudo aquilo que foi planejado. Portanto, se o seu planejamento foi completo e você conseguiu elaborar um cronograma global, essa parte não terá muitas complicações.

Claro, nem tudo sairá da forma como você imaginou. Assim, quando algo foge do planejamento, é importante manter a calma e encontrar a melhor solução para aquele contratempo, que pode vir a acontecer durante a execução. Mas é importante se esforçar ao máximo para cumprir seu plano.

Uma boa dica para essa etapa: acompanhe o decorrer do treinamento e já anote os resultados perceptíveis ao longo da execução. Ainda, veja se aquela atividade continua fazendo sentido para sua empresa, para que o treinamento ocorra de forma satisfatória.

Análise de resultados

Por último, avalie se os objetivos propostos foram alcançados. Para tanto, faça uma análise dos resultados por meio de pesquisas, depoimentos, número de pessoas atingidas etc. Aqui, vale a pena criar indicadores para que essa análise se torne mais objetiva e esclarecedora.

Por fim, essa análise não precisa ser feita apenas ao término da aplicação do treinamento e desenvolvimento, e sim deve ser analisada também no dia a dia, nas mudanças percebidas ao longo do tempo.

O conteúdo foi útil? Então, continue se aprimorando e conheça 15 soft skills que podem ser trabalhadas no seu time.

0 0 vote
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments