Outubro Rosa e RH: o que é e qual a importância da campanha

Tempo de leitura: 4 minutos

O movimento Outubro Rosa é uma ação internacional que colore todo o mundo pela conscientização sobre a luta contra o câncer de mama. O nome remete à cor do laço que simboliza essa batalha e o objetivo da campanha é incentivar a participação de toda a população, das empresas e das entidades públicas. Além disso, há uma importante relação entre o RH e o Outubro Rosa.

Além do recrutamento e do desenvolvimento dos colaboradores, o setor de Recursos Humanos é responsável por acompanhar o bem-estar dos trabalhadores e proporcionar melhorias por meio de uma cultura organizacional bem estabelecida. Trabalhar campanhas de conscientização de saúde faz parte dessa rotina.

Nesse conteúdo, vamos falar sobre o RH e o Outubro Rosa, mostrando como essa ação é importante e precisa fazer parte do cronograma de estratégias de engajamento e melhorias da sua empresa. Acompanhe!

Qual a importância do Outubro Rosa?

O câncer de mama é a doença mais comum entre as mulheres em todo o mundo. Em 2018, aproximadamente 60 mil mulheres tiveram casos de câncer de mama, o que representa 29% dos casos oncológicos femininos no país, segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca). A mortalidade da doença também apresenta números expressivos, mais de 16 mil brasileiras não resistiram às complicações do câncer no ano passado.

Quando detectada ainda no começo, a possibilidade de recuperação é de 95%. Por isso, é importante a conscientização e os cuidados em relação ao autoexame para a detecção de possíveis anomalias. A campanha do Outubro Rosa atua nessa área, promovendo e incentivando nas mulheres o autoconhecimento e o cuidado com o seu corpo.

A origem do Outubro Rosa

A origem do movimento é da década do século 20, quando o laço cor-de-rosa foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, em Nova Iorque, em 1990. Desde então, a ação começou a ser realizada anualmente na cidade.

A partir de 1997, entidades de diferentes cidades dos Estados Unidos passaram a fomentar e comemorar ações voltadas para a prevenção ao câncer de mama, chamando oficialmente como “Outubro Rosa”. 

A popularidade do movimento tomou conta do mundo. Durante todo o mês, os sistemas de saúde e instituições públicas e particulares incentivam a promoção da conscientização sobre a doença. Falando também sobre como os bons hábitos alimentares e estilo de vida pode ajudar na prevenção.

Exames e testes de mamografias são facilitados e ganham notoriedade durante o mês. No Brasil, o Sistema Único de Saúdes (SUS) estabelece rotinas e divulgações de conscientização sobre o autoexame e o tratamento.

Por que aderir à campanha?

O departamento de Recursos Humanos deve-se preocupar com os colaboradores em diferentes aspectos, dentre eles, a saúde. Além de acompanhar e monitorar os motivos que levam para o absenteísmo é importante participar de campanhas e movimentos que incentivam a prevenção.

Quando a empresa adere a movimentos como o Outubro Rosa está demonstrando sua preocupação e zelo pela saúde dos colaboradores. O câncer de mama em homens é raro, mas também registra casos no Brasil. A conscientização pode ser realizada de diferentes maneiras: palestras, roda de conversas, treinamentos etc.

Maneiras de aplicar o Outubro Rosa

Existem diferentes formas para participar e aderir ao Outubro Rosa dentro da empresa. As primeiras ações é mostrar que o ambiente está participando, colocando a cor rosa em alguns espaços estratégicos. Dessa maneira, a empresa mostrará para os colaboradores que está “vestindo” as cores da campanha.

É essencial promover momentos de discussão e debate sobre o câncer de mama. Chamar todas as pessoas para uma palestra ilustrativa e explicativa sobre o assunto é um modo de incentivar a prevenção, mostrando a importância do auto-exame e a maneira como ele pode ser realizado.

Aliás, o auto-exame é uma maneira simples de descobrir potenciais anomalias. Ele não deve substituir a mamografia e os exames clínicos, mas pode ser realizado dentro de casa ou no banheiro da própria empresa, desde que tenha um espelho.

Ao sentir qualquer caroço ou algo diferente no seio, a mulher deve ser acompanhada. A empresa pode demonstrar empatia e criar um relacionamento próximo e cuidado com as pessoas que estiverem passando por esse momento. 

A relação entre o Outubro Rosa e RH está bem estabelecida pela essência de ambos: o cuidado com as pessoas. É fundamental priorizar o bem-estar dos profissionais em todas as instâncias, a fim de garantir um ambiente saudável e empático.

A sua empresa promove ações sobre o Outubro Rosa? Conte em nossos comentários o quão importante é para você ações que promovam a saúde dos colaboradores!

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of