Headcount: saiba como calcular esse indicador

Tempo de leitura: 5 minutos

Sem tempo para ler sobre headcount? Aperte o play e ouça a narração deste artigo:

Ao preencher seu e-mail você concorda com a Política de Privacidade da Sólides.

Você já ouviu falar no termo “Headcount”? Nos Recursos Humanos, essa palavra está relacionada à quantidade de colaboradores de uma equipe, de uma área ou até da empresa toda. Isso está intimamente ligado ao planejamento estratégico e orçamentário da corporação.

O indicador de Headcount influencia diretamente nas metas e no crescimento da empresa dentro do mercado. Afinal, ele permite que o RH entenda como aumentar a qualidade do trabalho realizado pelos colaboradores. Para isso, é preciso ter estratégias tanto para fazer o cálculo quanto para melhorar a corporação a partir dele.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Então, como calcular o Headcount? Existem fatores importantes para chegar a esse índice? Nesse conteúdo, vamos responder a essas e outras perguntas sobre o tema para você entender mais sobre a importância desse trabalho dentro de uma empresa. Confira!

Quais são os fatores importantes para calcular o Headcount?

Antes de entender como fazer o controle de Headcount, é preciso conhecer os fatores determinantes para o cálculo. Como você já percebeu, esse índice está totalmente relacionado ao funcionamento da empresa, por isso é importante colher as informações corretas para chegar a ele.

1. Objetivos e desafios da empresa

Tendo em mente o que é Headcount, você já deve ter notado que esse indicador tem grande influência no cumprimento dos objetivos da empresa como um todo. Por isso, ao fazer o cálculo, o RH deve se guiar por duas perguntas principais:

  • Onde a empresa quer estar nos próximos anos?
  • Quais desafios podem impedir esse crescimento?

Com isso, é possível definir os riscos que podem ser tomados nesse processo de crescimento. Além disso, é claro, é possível saber quais estratégias podem ser adotadas e de quantos colaboradores a empresa precisa para chegar nesse objetivo.

2. Métricas-chave da força de trabalho

As métricas-chave, ou Key Performance Indicators (KPI), são essenciais para o cálculo do Headcount. Elas permitem que o RH avalie o andamento dos objetivos da empresa em relação ao trabalho de uma certa quantidade de colaboradores. Confira alguns exemplos:

  • absenteísmo;
  • índice de turnover;
  • lucratividade por colaborador;
  • índice de retenção de talentos;
  • tempo médio de empresa;
  • investimento em treinamento;
  • índice de satisfação dos colaboradores;
  • relação entre horas extras e trabalhadas;
  • gastos com folha de pagamento.

Levantando esses dados, o RH pode entender quais são os pontos de atenção dentro da empresa e definir quais são as estratégias necessárias para evitar resultados negativos.

3. Força de trabalho atual

Não é possível fazer um planejamento estratégico de uma empresa sem considerar a força de trabalho dela. Por isso, o RH deve conhecer a fundo a planta de colaboradores da corporação. Nesse caso, não se trata apenas de definir a quantidade de profissionais, mas sim entender as funções e os lugares deles, na hierarquia da corporação.

banner para acessar ferramenta Calculadora de Rotatividade-Headcount

Como calcular o Headcount?

O cálculo do Headcount pode parecer complexo, mas é bem simples e rápido na verdade. O primeiro passo é o RH contabilizar os colaboradores da empresa.  Nesse caso, não é preciso discriminar os horários de trabalho de cada um, já que todos entram na conta.

Entretanto, mesmo sendo um cálculo simples, o Headcount vai envolver os três fatores que listamos acima. Se a empresa possui um objetivo para crescimento e o RH contabilizou o número de profissionais, fica muito mais fácil entender quais são as estratégias necessárias para atingi-lo.

Dessa maneira, o RH consegue pensar em ações tanto para contratar novos talentos quanto para gerir aqueles que já estão na empresa. Além disso, é possível visualizar quais áreas ou equipes precisam de mais ações para otimizar o trabalho e entregar os resultados desejados.

Para tornar o Headcount efetivo nas empresas, é preciso que o RH alinhe todas as estratégias vindas do seu cálculo com o orçamento disponível para esse departamento e para a corporação toda. Assim, as ações podem ser aplicadas nas equipes sem extrapolar os valores disponíveis para elas.

Os impactos do cálculo de Headcount na empresa

O Headcount pode ter grandes impactos na empresa. Quando pensamos na folha de pagamento, por exemplo, ela pode ser alterada se houver novas definições de salários, bonificações, comissões, entre outros. Além disso, esse índice pode afetar o financeiro da corporação, gerando mais lucros após a correta aplicação das estratégias.

A capacitação dos colaboradores também é impactada pelo Headcount. Ao avaliar os profissionais e detectar o que precisa ser melhorado, o RH deve desenvolver métodos para crescimento da produtividade dos profissionais, como cursos e palestras. Essas estratégias podem afetar o orçamento, que deve ter uma parte dedicada a elas.

Por fim, o Headcount pode gerar uma movimentação na própria quantidade de colaboradores e no funcionamento da empresa. Com o cálculo, é possível determinar a necessidade de rescisões, recrutamentos e seleções, promoções e até mesmo transferências entre setores.

banner para baixar o ebook sobre Guia completo do recrutamento e seleção: conceito e técnicas-Headcount

Potencialize seu aprendizado!

Viu como é importante realizar o cálculo de Headcount? Ele é determinante para o crescimento da produtividade dos colaboradores e da empresa como um todo. Confira nosso conteúdo sobre os 20 indicadores para RH que você precisa acompanhar e saiba como aplicá-los na rotina.

5 1 vote
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments