O que é business partner e como se tornar um?

Tempo de leitura: 8 minutos

Sem tempo para ler? Clique no play abaixo para ouvir o conteúdo!

Apesar de ter sido criada na década de 80, a atuação do profissional de recursos humanos como business partner tem crescido nos últimos anos. Esse novo formato de trabalho tem a proposta de conectar a área de negócio de uma empresa com as práticas de gestão de pessoas.

O objetivo do modelo é contribuir para uma atuação estratégica e bem aproveitada dos profissionais de RH, além de potencializar os resultados da organização.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Organizações cada vez mais complexas, competitivas e com desafios que surgem a todo momento! Muitos destes desafios estão diretamente relacionados ao lado humano e portanto o RH precisa trabalhar como parceiro do negócio.

A demanda pela atuação nessa área é crescente! Porém, ainda existe uma grande confusão sobre este papel. Em algumas organizações o business partner é visto como alguém que assumirá as demandas relacionadas a equipe no que tange a gestão de conflitos ou desenvolvimento de competências. Ou ainda que este profissional deve somente seguir as orientações do CEO ou diretor da área em que atua, sem se posicionar e demonstrar toda sua expertise.

Entender o significado desse papel e estar pronto para operar nesse novo formato pode ser o diferencial para uma carreira de sucesso. É o seu caso? Então descubra o que é business partner e como se tornar um no artigo de hoje!

O que é business partner?

Business partner é uma atividade feita por um profissional capacitado que gerencia, define, alinha e implementa alternativas para pessoas com foco no negócio. Contribui para formar estratégias junto com diretores e gestores. É um trabalho de parceria, que foi ganhando espaço e principalmente credibilidade nas organizações.

Esta nova identidade a área de RH está associada a valores contemporâneos que são esperados pelas empresas. Organizações precisam encontrar as pessoas certas no momento certo, seja local ou globalmente, e mais do que isto precisam desenvolver e reter seus talentos. Sem um profissional que oriente e apoie os gestores na condução da administração de pessoas, tudo fica mais fatigante.

A função de business partner tem como principal premissa o conhecimento profundo do profissional de RH sobre o negócio e as estratégias da empresa. Isso inclui os planos de mercado, objetivos financeiros, estratégias comerciais, de marketing e quaisquer outros pilares da gestão de uma organização.

A ideia é de que este profissional seja verdadeiramente capacitado para auxiliar nas decisões que envolvem pessoas, aproximando as áreas de negócio da gestão de pessoas. Um BP sabe de maneira muito mais completa, por exemplo, qual é o perfil de colaborador adequado para trabalhar em um determinado setor. Assim, ele auxilia na execução de processos seletivos, trazendo eficácia e economia de recursos.

Da mesma forma, o business partner está mais preparado para identificar necessidades de treinamento, desenvolvimento, para embasar a construção uma estrutura remuneratória ou de benefícios e para quaisquer outras decisões da natureza.

A própria tradução do termo, “parceiro de negócio” deixa explícita essa necessidade de que o business partner conheça profundamente a área a qual ele está agregado. Esse profissional precisa saber os objetivos do setor, seus resultados, métricas e atividades.

Outra informação essencial para entender o que é business partner é saber que esse profissional não tem a função de simplesmente executar, para o gestor, tudo o que é relativo à gestão de pessoas. É intrínseco à atuação de um BP fortalecer o papel de gestor de pessoas por parte dos líderes de área, estimulando sua autonomia.

Percebemos que essa proposta de atuação é um rompimento com as funções tradicionais do RH. Usualmente, o setor de gestão de pessoas atende demandas, que muitas vezes aparecem de última hora. Os profissionais costumam executar as tarefas distanciadas da área solicitante, como se apenas prestassem um serviço, além de não serem envolvidos nas informações estratégicas sobre o negócio.

Por que de contratar um BP?

Do ponto de vista estratégico de uma organização a posição de business partner é essencial para contribuir com as equipes de gerenciamento bem como na entrega das operações sejam elas financeira, de marketing ou comercial.

Dentro de uma organização cada gestor responsável por sua área de negócio deve estar capacitado para atender tecnicamente as tarefas. Ter um parceiro que o complemente, oferecendo experiência robusta em gestão de pessoas e um desejo de lidar com tarefas que nem sempre o gestor está preparado é um dos motivos que leva as organizações a contratarem um BP.

Outra razão diz respeito a ter um especialista olhando sob uma perspectiva que o líder da área nunca havia considerado anteriormente. Ter um parceiro com conhecimentos e experiência no gerenciamento de pessoas pode trazer valiosas contribuições para a direção dos negócios, oferecendo uma enorme vantagem sobre a concorrência e preparando a empresa para o sucesso.

O sucesso da gestão organizacional é a chave para os negócios no dia de hoje. Considerar alianças, aquisições e principalmente temáticas como a diversidade faz com que o RH precise entender todos estes aspectos e integre as mudanças para o sucesso do ambiente organizacional. Cabe também ao business partner orientar a condução de assuntos que simplifiquem a execução das tarefas, trazendo a perspectiva da tecnologia e serviços terceirizados como opção para complementar as atividades internas.

Como ser um business partner?

Agora que você já sabe o que é business partner e os motivos que fazem esse modelo de atuação crescer, é hora de começar a se preparar para exercer essa função.

Torne-se um profissional mais generalista

Ser um BP significa romper com uma lógica compartimentalizada de atuação, que, no caso do RH, funciona em subsistemas e com o foco no processo. Atração e seleção, treinamento e desenvolvimento, remuneração, cultura… As subdivisões possíveis são inúmeras.

Então, se você não tem conhecimento de alguma dessas áreas, estude e, acima de tudo, comece a integrar esses subsistemas e enxergá-los com mais unidade na gestão de pessoas.

Entenda sobre assuntos transversais ao RH

Muitas vezes ao assumir esta posição, uma das escolhas da organização é saber que outros temas, chamados transversais, o business partner tem domínio para então direcioná-lo a determinada área.

Conhecer de assuntos como finanças, tecnologia e vendas, por exemplo, fazem com que este profissional esteja inteirado da realidade de uma esfera específica. Quanto maior a autoridade em determinada área, mais fácil de realizar as atividades e sugerir melhorias.

Busque empresas que utilizem o modelo ou proponha na sua

Caso esteja buscando colocação no mercado de trabalho, procure empresas que adotem a função de BP ou que já se mostrem abertas a fazer uma transição para o modelo. Caso contrário, incentive e proponha a atuação de business partner, explicando seus objetivos estratégicos e potenciais resultados.

Ajude a organização a redefinir o ambiente de trabalho

Ampliar a visão da empresa em relação aos seus princípios e entregas abordando problemas e oportunidades que muitas vezes estão invisíveis aos olhos dos gestores é uma das maneiras que o business partner pode contribuir.

Capacite-se sobre o negócio

Não é necessário um curso específico para atuar como BP, mas ter um certificado profissional ajuda na diferenciação e na percepção das empresas sobre a busca de desenvolvimento constante. Mais do que estar preparado para assumir esta posição é necessário buscar conhecimento sobre o negócio da empresa onde você trabalha.

Isso significa, primeiramente, entender do produto ou serviço em si, ou seja, do que a empresa oferece aos clientes. Uma outra vertente de conhecimento, igualmente necessária, é conhecer as áreas das quais você será parceiro e tudo o que envolve suas atividades.

Então, tenha muitas conversas com os diretores da empresa, se for possível, ou com pessoas que ocupem posições estratégicas. Além de entender a fundo o que é business partner, também colete a percepção dos líderes de áreas e dos demais colaboradores, como se fosse um novo profissional que precisa entender o funcionamento do setor.

É claro que, se forem muitos setores, essa atividade pode ser impraticável. E é justamente por isso que os BP’s costumam se dividir entre as áreas de uma organização, já que assim alcançam o aprofundamento necessário.

Vale lembrar que a atuação como business partner é apenas um dos muitos assuntos sobre os quais os profissionais de gestão de pessoas precisam se atualizar. Conheça mais sobre o Guia completo de Recrutamento e seleção, que auxiliará neste processo crítico dentro das organizações.


9
Deixe um comentário

avatar
5 Comment threads
4 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
Giuliano SalesotavioCristiane MeloDebora SouzaMaria Aparecida Dias de Azevedo Montilha Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Rejane Santos
Visitante
Rejane Santos

Gostei muito do artigo.

Maria Aparecida Dias de Azevedo Montilha
Visitante
Maria Aparecida Dias de Azevedo Montilha

Gostei muito do artigo e me interessei pela profissão

Giuliano Sales
Admin

Ei, Maria Aparecida. Tudo bem?
A profissão de business partner é muito importante para as empresas.
Ficamos felizes com o seu feedback, esperamos que você se inspire em seguir nesse ramo!
Aliás, assine a nossa newsletter para receber toda nossa produção exclusiva.

Abraços.

Debora Souza
Visitante

Excelente artigo!
Deixou bem claro todas as minhas dúvidas sobre o assunto!

Valeu mais uma vez Solides!

Giuliano Sales
Admin

Ei, Débora. Tudo bem?
Agradecemos demais o feedback. Esperamos continuar ajudando você a sanar novas dúvidas e sendo útil para o seu desenvolvimento.
Conte com a gente!

Abraços.

Cristiane Melo
Visitante
Cristiane Melo

Muito interessante , sou da área de RH ,e sei que cada vez mais precisamos ampliar nossos conhecimentos

Giuliano Sales
Admin

Ei, Cristiane, é verdade.
É muito importante aprimorarmos nossos conhecimentos a fim de estar por dentro de todas as novidades do RH.
E o setor tem mudado tanto, né?
Acompanhe nossas atualizações por meio da nossa newsletter.

Abraços.

otavio
Visitante
otavio

Parabéns pela otima explicação sobre BP

Giuliano Sales
Admin

Ei, Otávio. Tudo bem?
Ficamos felizes que você gostou do nosso artigo.
Continue acompanhando nossos conteúdos!
Esperamos vê-lo por aqui em outras produções.
Abraços.