Business Partner: o que é, salário, o que faz e como ser um?

Você sabe o que é Business Partner e qual a importância do profissional de RH se tornar um? Acesse o artigo e saiba mais sobre o assunto!
o que é business partner
BAIXE GRÁTIS!

Aqui você encontra:

O Business Partner (BP), ou parceiro de negócios, é o profissional responsável por fazer o alinhamento entre o setor de Recursos Humanos e as estratégias de uma empresa.

O conceito que surgiu há mais de 30 anos, criado pelo renomado especialista em Gestão de Pessoas, Dave Ulrich. Apesar de não ser uma ideia recente, muitas empresas e profissionais da área ainda têm dúvidas sobre a atuação desse profissional.

Para esclarecer de vez essas questões, desenvolvemos um guia completo com tudo o que você precisa saber sobre Business Partner e como ingressar na área. Quer aumentar ainda mais os seus conhecimentos sobre o assunto? Continue a leitura!

O que é Business Partner?

Business Partner, ("parceiro do negócio" em português) é o profissional que aproxima e conecta a área de Recursos Humanos dos outros setores da empresa, proporcionando uma Gestão de Pessoas mais estratégicas.

Portanto, o BP gerencia, define, alinha e implementa alternativas para pessoas com foco no negócio, além de contribuir para formar estratégias junto com diretores e gestores. É um trabalho de parceria, que foi ganhando espaço e principalmente credibilidade nas organizações.

Este novo tema de RH está associada a valores contemporâneos que são esperados pelas empresas. Organizações precisam encontrar as pessoas certas no momento certo, seja local ou globalmente, e mais do que isto precisam desenvolver e reter seus talentos. Sem um profissional que oriente e apoie os gestores na condução da administração de pessoas, tudo fica mais fatigante.

A função de Business Partner tem como principal premissa o conhecimento profundo do profissional de RH sobre o negócio e as estratégias da empresa. Isso inclui os planos de mercado, objetivos financeiros, estratégias comerciais, de marketing e quaisquer outros pilares da gestão de uma organização.

Que tal aprofundar seus estudos e se tornar uma autoridade no RH? Baixe agora o guia de estudos que preparamos para te ajudar a alvanar a sua carreira no setor de Recursos Humanos. Preencha o formulário e receba grátis no seu e-mail.

Qual a função de um Business Partner?

O BP ajuda a gerenciar de maneira inteligente as pessoas da empresa para que elas alcancem o seu maior potencial. Podemos dizer que, em certos pontos, o BP atua como um RH próprio de cada setor da organização, com foco estratégico em desenvolver os times. Assim, ele auxilia na execução de processos seletivos, aplica treinamentos e pesquisas de clima, dá feedback, etc, trazendo eficácia e economia de recursos.

Em muitos casos, é normal que cada setor da empresa, como Marketing, Comercial e Administrativo, tenha um BP responsável pela área, fazendo a ponte entre gestão de pessoas e estratégia de negócios.

Assim, suas atribuições incluem:

  • Definir estratégias, alinhando os objetivos do RH e analisando a melhor forma de alcançá-los;
  • Perceber falhas em processos da companhia, informando os problemas ao gestor e identificando necessidades de treinamentos para solucioná-las;
  • Mediar conflitos e a relação entre a alta gestão e as equipes, equilibrando as necessidades e expectativas de colaboradores e gestores;
  • Prever problemas e estar sempre em contato com as equipes, indicando necessidades de mudança;
  • Analisar demandas, métricas e resultados com o objetivo de propor soluções, como contratações, treinamentos, reorganização de ambientes, uso de tecnologia, lideranças, entre outros;
  • Capacitar os times com treinamentos, coaching e programas de desenvolvimento, buscando alta performance com foco no negócio, na qualidade e no bem-estar;
  • Capacitar e desenvolver lideranças, com foco em soft skills e competências comportamentais;
  • Avaliar as práticas implantadas, oferecendo feedbacks tanto para os colaboradores quanto para o executivo.

Outra informação essencial para entender o que é Business Partner é saber que esse profissional não tem a função de simplesmente executar, para o gestor, tudo o que é relativo à Gestão de Pessoas.

GARANTA SUA VAGA!

O que é um IT Business Partner?

Um IT Business Partner é o BP da área de tecnologia das empresas. Assim, ele se torna o elo entre esses profissionais e a área de negócios. Pela constante crescente da área, muitas organizações têm observado os benefícios de ter um Business Partner como aliado. Isso porque, um IT Business Partner consegue desenvolver um olhar mais estratégico na área de tecnologia, expor as necessidades e dores da empresa, e conseguir extrair as melhores soluções do time.

Além disso, o engajamento e a retenção melhoram, com os profissionais sentindo a proximidade e o cuidado desse profissional.

Por que contratar um Business Partner?

A posição de Business Partner é contribui com as equipes de gerenciamento bem como na entrega das operações, sejam elas financeira, de marketing ou comercial. Assim, ter um BP significa ter mais alinhamento, produtividade, segurança psicológica e união entre as equipes, o que leva a maiores resultados.

Dentro de uma organização cada gestor responsável por sua área de negócio deve estar capacitado para atender tecnicamente as tarefas. Ter um parceiro que o complemente, oferecendo experiência robusta em gestão de pessoas e um desejo de lidar com tarefas que nem sempre o gestor está preparado é um dos motivos que leva as organizações a contratarem um BP.

Outra razão diz respeito a ter um especialista olhando sob uma perspectiva que o líder da área nunca havia considerado anteriormente. Ter um parceiro com conhecimentos e experiência no gerenciamento de pessoas pode trazer valiosas contribuições para a direção dos negócios, oferecendo uma enorme vantagem sobre a concorrência e preparando a empresa para o sucesso.

Cabe também ao Business Partner orientar a condução de assuntos que simplifiquem a execução das tarefas, trazendo a perspectiva da tecnologia e serviços terceirizados como opção para complementar as atividades internas.

Material gratuito: guia de estudos para se tornar autoridade no RH!

Preencha o formulário e receba o material grátis no seu e-mail 📩

Qual a média salarial de um Business Partner em 2024?

Segundo um estudo do Guia Salarial, a média salarial para um Business Partner, é de R$ 7 mil.

O mercado de trabalho está aquecido para profissionais de RH. Isso porque, as empresas estão retomando projetos paralisados na pandemia e o otimismo dos líderes com os rumos dos negócios.

💡 Saiba também:

Como ser um Business Partner?

Para ser um Business Partner, você deve ser verdadeiramente capacitado para auxiliar nas decisões que envolvem pessoas, aproximando as áreas de negócio da gestão de pessoas. Um BP sabe de maneira muito mais completa, por exemplo, qual é o perfil de colaborador adequado para trabalhar em um determinado setor.

Agora que você já sabe o que é Business Partner e os motivos que fazem esse modelo de atuação crescer, é hora de começar a se preparar para exercer essa função.

É intrínseco à atuação de um BP fortalecer o papel de gestor de pessoas por parte dos líderes de área, estimulando sua autonomia. Assim, você pode começar a se desenvolver e ter foco em:

1 - Torne-se um profissional mais generalista

Ser um BP significa romper com uma lógica compartimentalizada de atuação, que, no caso do RH, funciona em subsistemas e com o foco no processo. Atração e seleção, treinamento e desenvolvimento, remuneração, cultura. As subdivisões possíveis são inúmeras.

Então, se você não tem conhecimento de alguma dessas áreas, estude e, acima de tudo, comece a integrar esses subsistemas e enxergá-los com mais unidade na gestão de pessoas.

Baixe grátis!

2 - Entenda sobre assuntos transversais ao RH

Muitas vezes ao assumir esta posição, uma das escolhas da organização é saber que outros temas, chamados transversais, o Business Partner tem domínio para então direcioná-lo a determinada área.

Conhecer de assuntos como finanças, tecnologia e vendas, por exemplo, fazem com que este profissional esteja inteirado da realidade de uma esfera específica. Quanto maior a autoridade em determinada área, mais fácil de realizar as atividades e sugerir melhorias.

3 - Busque empresas que utilizem o modelo ou proponha na sua

Caso esteja buscando colocação no mercado de trabalho, procure empresas que adotem a função de BP ou que já se mostrem abertas a fazer uma transição para o modelo. Caso contrário, incentive e proponha a atuação de Business Partner, explicando seus objetivos estratégicos e potenciais resultados.

4 - Ajude a organização a redefinir o ambiente de trabalho

Ampliar a visão da empresa em relação aos seus princípios e entregas abordando problemas e oportunidades que muitas vezes estão invisíveis aos olhos dos gestores é uma das maneiras que o Business Partner pode contribuir.

➡️ Conheça também: Chief happiness officer: conheça o cargo que é tendência para as empresas

5 - Capacite-se sobre o negócio

Não é necessário um curso específico para atuar como BP, mas ter um certificado profissional ajuda na diferenciação e na percepção das empresas sobre a busca de desenvolvimento constante. Mais do que estar preparado para assumir esta posição é necessário buscar conhecimento sobre o negócio da empresa onde você trabalha.

Isso significa, primeiramente, entender do produto ou serviço em si, ou seja, do que a empresa oferece aos clientes. Uma outra vertente de conhecimento, igualmente necessária, é conhecer as áreas das quais você será parceiro e tudo o que envolve suas atividades.

Então, tenha muitas conversas com os diretores da empresa, se for possível, ou com pessoas que ocupem posições estratégicas. Além de entender a fundo o que é Business Partner, também colete a percepção dos líderes de áreas e dos demais colaboradores, como se fosse um novo profissional que precisa entender o funcionamento do setor.

É claro que, se forem muitos setores, essa atividade pode ser impraticável. E é justamente por isso que os BPs costumam se dividir entre as áreas de uma organização, já que assim alcançam o aprofundamento necess

ário.

IMPULSIONE SUA CARREIRA!

O que estudar para ser Business Partner?

O Business Partner precisa estar em constante atualização, principalmente no que é relacionado às ferramentas e metodologias de Gestão de Pessoas no mercado. Além disso, é ideal que ele saiba:

  • Recursos Humanos;
  • Desenvolvimento Humano e Organizacional;
  • Metodologias ágeis;
  • Gestão comportamental;
  • Softwares e sistemas de RH.

➡️ Faça já o curso gratuito: Business Partner estratégico no sucesso do negócio

Quais habilidades um Business Partner precisa ter?

Além das habilidades técnicas, o BP também precisa desenvolver algumas habilidades comportamentais para exercer seu cargo com mais eficiência. Assim, um profissional adequado deve se desnvolver em:

  • Planejamento;
  • Flexibilidades;
  • Boa execução;
  • Relacionamento;
  • Conhecimento de métricas e indicadores;
  • Mediação e interesses;
  • Capacidade de antecipar riscos;
  • Conhecimento de técnicas de treinamento.

Planejamento

Uma habilidade importante para um Business Bartner é um bom planejamento. Já que é preciso que o profissional saiba traçar planos e estratégias que integrem o RH com as demais áreas da organização, gerando ganhos para todos

Baixe agora o seu calendário!

Flexibilidade

O BP transita entre toda a empresa e precisa lidar com diferentes perfis de pessoas e níveis de gestão. Sendo assim, é importante que ele seja flexível e saiba se comunicar de forma clara, além de interagir com todos os departamentos e pessoas, atuando como uma ponte entre os colaboradores e gestores.

Boa execução

Além de um bom planejador, é importante que o Business Partner tenha um perfil executor e saiba tirar os planos do papel e colocá-los em ação, definindo estratégias e passos para a execução.

Relacionamento

As habilidades de comunicação e relacionamento também são valorizadas em profissionais da área. Logo, o BP deve saber como persuadir e negociar com gestores e executivos, além de construir relacionamentos e se comunicar efetivamente, impulsionando mudanças e assegurando a colaboração da equipe.

Conhecimento de métricas e indicadores

Para que o Business Partner atue de forma eficiente, ele deve saber como fazer a leitura dos dados e métricas oferecidos pelos diferentes departamentos da empresa. Mas além de saber interpretar os números é essencial que o profissional tenha um conhecimento em People Analytics e saiba transformar as informações coletadas em insights e projetos.

Mediação e interesses

Como vimos, o BP atua diretamente com diversos setores, como executivo, financeiro, RH e colaboradores. Assim, ele deve ter a capacidade de mediar conflitos e interesses, negociando com as partes em busca de soluções que sejam satisfatórias para todos.

➡️ Executive Search: Entenda as vantagens e como contratar para cargos estratégicos

Capacidade de antecipar riscos

Saber mapear situações e antecipar riscos e problemas é outra capacidade importante para esse profissional. Para isso, é ideal que o BP conheça bem o mercado em que atua e tenha uma visão sistêmica, considerando todos os setores da companhia.

Conhecimento de técnicas de treinamento

Por fim, é importante que o profissional tenha conhecimento sobre técnicas de treinamento e coaching, para ficar sempre atualizado sobre novas tendências, tanto para atrair talentos quanto para retê-los.

Baixe gratuitamente!

Quais ferramentas podem ser usadas por um Business Partner?

O Business Partner não se vincula a uma única área de conhecimento, ele presta uma consultoria interna para trazer aos gestores uma visão estratégica e de negócio no que concerne à liderança.

Assim, esse profissional pode fazer uso de diversas ferramentas para qualificar profissionais, revisar políticas, prever riscos e definir objetivos. A seguir, listamos algumas delas.

Metas SMART

Uma das principais funções do BP é coordenar e monitorar os gestores para que eles ajudem seus times a definir metas SMART, de alta qualidade e alinhamento com os objetivos do negócio.

As metas SMART são aquelas que têm como característica serem:

  • Específicas;
  • Mensuráveis;
  • Atingíveis;
  • Relevantes;
  • Temporais

Assim, é importante que o BP treine os gestores para conduzir a criação de metas e supervisione a qualidade delas por meio de reuniões de acompanhamento de resultados.

Feedbacks

Outra ferramenta bastante utilizada pelo profissional são os feedbacks. Nesse caso, o BP deve treinar gestores e líderes, orientando sobre a importância de feedbacks contínuos para a equipe e treinando-os em técnicas para abordar conversas difíceis.

Além disso, nos casos em que há pouca adesão ao processo de feedbacks, cabe ao BP avaliar os gestores e até mesmo escrever os feedbacks junto deles, ajudando a rascunhar ideias e orientando sobre como as informações devem ser passada pessoalmente.

💡5 dicas para dar feedbacks aos colaboradores

Avaliação de desempenho

Uma das ferramentas mais importantes para um Business Partner são as avaliações de desempenho. Isso porque, esse tipo de solução ajuda a levantar informações claras, completas e construtivas sobre líderes e liderados.

Mas para que a ferramenta alcance todo o seu potencial é importante que o BP ensine e oriente os gestores a avaliarem a performance de forma consciente e razoável. Além disso, o profissional deve sentar com os demais gestores da empresa para “calibrar a régua”, alinhando expectativas e exigências.

Receba grátis um kit completo sobre avaliação de desempenho

Preencha o formulário e receba o KIT grátis no seu email 📩

Qual a importância da Gestão Comportamental para um Business Partner?

Outra ferramenta muito útil e que pode auxiliar na atuação do Business Partner é a Gestão Comportamental, uma vertente da Gestão de Pessoas voltada para perfis comportamentais.

Trata-se da ferramenta que possibilita uma abordagem mais estratégica, aliando as necessidades da empresa com as principais características dos profissionais que trabalham para ela.

Com a ferramenta, é possível, por exemplo, montar times de alta performance, unir profissionais que se complementam, encontrar as pessoas certas para assumir cargos de liderança e fazer remanejamentos de equipes para alcançar mais eficiência e produtividade.

A gestão comportamental é baseada na metodologia DISC e divide as pessoas em 4 perfis comportamentais principais:

  • Analista;
  • Comunicador;
  • Planejador;
  • Executor.

Dessa forma, utilizando uma ferramenta de mapeamento de perfil, como o Profiler, o BP pode identificar as habilidades e competências comportamentais de cada indivíduo, entendendo pontos fortes e pontos de melhoria e estilos de liderança. Dessa forma, é possível melhorar a gestão de equipes e potencializar times, alcançando os objetivos da organização.

Como a tecnologia pode ser aplicada na atuação de um Business Partner?

A evolução do RH trouxe diversas mudanças para o setor, principalmente por conta dos avanços tecnológicos. Essas mudanças otimizaram a rotina do departamento e possibilitaram uma gestão mais estratégica e eficiente.

Hoje, as grandes empresas já percebem como a gestão de pessoas é importante para os resultados do negócio e, por conta disso, têm adotado estratégias voltadas para uma melhor cultura e clima organizacional.

Para isso, essas empresas têm incorporado o uso de ferramentas estratégicas, que permitem coletar e mensurar dados, fornecendo informações importantes para a tomada de decisões.

Essas ferramentas também podem ajudar no trabalho do BP, possibilitando uma melhor integração entre setores, prevendo falhas de processos e fornecendo métricas e indicadores importantes para a análise de resultados.

Baixe grátis!

Como a Sólides pode ajudar um Business Partner?

Se você deseja ingressar na carreira de Business Partner e otimizar sua gestão de forma estratégica e eficiente, pode contar com algumas das soluções oferecidas pela Sólides.

A plataforma conta com diversas ferramentas voltadas para uma gestão estratégica, que permitem avaliar o cenário atual da empresa e tomar decisões com mais embasamento e munido de dados. A seguir, listamos algumas das soluções que podem auxiliar na atuação do BP.

People Analitycs

O People Analytics é uma metodologia de análise de dados que aplica estatística, tecnologia de ponta e expertise para embasar a tomada de decisões da gestão de pessoas. Com o processo, é possível coletar, organizar e analisar dados, antecipando tendências e riscos, garantindo uma gestão mais estratégica.

Utilizando a ferramenta de People Analytics da Sólides, o BP pode investigar e identificar diversos fatores, como baixa produtividade, baixo engajamento, dificuldades de retenção e queda na satisfação dos clientes. Além disso, é possível acompanhar os resultados de líderes e liderados, encontrando lacunas de treinamentos e tornando as equipes mais capacitadas.

Mapeamento de Perfil Comportamental

Outra ferramenta tecnológica oferecida pela Sólides que pode ajudar na gestão do Business Partner é o Profiler. Trata-se de uma solução bastante robusta que permite mapear o perfil comportamental dos colaboradores e líderes, identificando uma série de informações que podem ser utilizadas
de forma estratégica.

A ferramenta é de fácil aplicação e pode ser respondida em apenas 7  minutos, fornecendo mais de 50 informações. Entre elas, você descobre mais sobre competências, pressão, energia, fatores motivacionais, estilo de liderança e histórico individual.

Como vimos Business Partner desempenha um papel importante e estratégico dentro das organizações. Ele é responsável por integrar diferentes setores, facilitando o alinhamento entre os Recursos Humanos e o time de negócios da companhia.

Conheça mais sobre gestão de pessoas a partir do entendimento dos perfis comportamentais. Baixe agora nosso guia completo sobre perfil comportamental para sua carreira e gestão. E não perca! Faça parte da comunidade de Gestão de Pessoas mais completa do Brasil!

Participe!

Luana Teixeira
Luana Teixeira
Psicologia pela FUMEC e pós-grauada em Gestão Estratégica de Pessoas pela UFMG. Atuei como Professora no MBA em Coaching- Life Coaching, Executive e Business Coaching da U.N.A, nas disciplinas Gestão do Tempo e Marketing Pessoal. Adoro aprender e ensinar! Sou gente que gosta de gente!
Compartilhe:

Você também vai gostar!

Rolar para cima