Networking: o que é, benefícios e dicas de como criar sua rede

Entenda o que é networking, como criar e como essa rede de contatos pode ser importante na busca por oportunidades de emprego
Entenda o que é networking, como criar e como essa rede de contatos pode ser importante na busca por oportunidades de emprego
Baixe grátis!

Aqui você encontra:

Encontrar boas oportunidades de emprego pode ser uma tarefa bastante árdua. Mas, se tem algo que costuma funcionar é o famoso QI ou “quem indica”. Indicações e referências podem ser decisivas em um processo seletivo. Contudo, para consegui-las, o candidato deve investir em um bom networking profissional

Criar uma rede de contatos na área de atuação abre muitas portas e possibilita que o profissional troque experiências e vivências, enriquecendo ainda mais a sua carreira. Mas você sabe como fazer isso? Neste post, trouxemos algumas dicas interessantes para ajudá-lo a criar relações sólidas e verdadeiras. Confira tudo sobre o assunto na leitura. 

O que é networking? Entenda a definição

O termo networking vem do inglês e no contexto corporativo significa "criar uma rede de contatos profissionais". O objetivo é trocar conhecimentos, experiências e crescer na carreira criando relacionamentos de colaboração entre profissionais de diversas empresas e segmentos. 

Fazer networking é uma forma de fortalecer relações e pode ajudar o profissional a fechar parcerias, estreitar negociações comerciais e até conseguir novas oportunidades de emprego, por meio de indicações e referências.  

Participe!

Por que networking é importante para a carreira profissional?

O networking funciona como uma rede de contatos, que pode ajudar o indivíduo a se destacar no mercado e se aperfeiçoar e construir relações duráveis ao longo de sua vida profissional. 

O intuito não é somente obter vantagens como recomendações e parcerias, esse tipo de relação também pode ser inspiradora, ajudando você a aprimorar conhecimentos, trocar experiências e conseguir novas oportunidades de crescimento. 

Hoje, podemos dizer que construir uma boa rede de conexões profissionais deixou de ser uma opção. Isso é indispensável para quem deseja se destacar e ter sucesso na carreira. 

💡 Leia também: Conheça 15 soft skills para desenvolver agora mesmo

Como o networking pode ajudar você a encontrar emprego?

Apesar de trabalharmos para empresas, é importante lembrar que pessoas se relacionam com pessoas. Dessa forma, o vínculo criado com outros profissionais pode se estender muito mais do que apenas o tempo em que vocês trabalharam juntos ou compartilharam um curso ou evento. 

Essas conexões podem ajudar, inclusive, na hora de encontrar uma nova oportunidade de trabalho. Você sabia que 85% das vagas de emprego são preenchidas por meio de indicações e referências? Isso é o que aponta uma pesquisa divulgada pela consultoria The Adler Group

Dessa forma, deixar com que outras pessoas conheçam sua história, experiência e preferências profissionais pode ser uma porta aberta para quem busca boas posições e novas oportunidades no mercado de trabalho, fortalecendo, inclusive, sua marca pessoal. 

Ter um planejamento de carreira pode te orientar e ajudar a saber a hora de fazer networking. Faça o curso gratuito da Escola de Pessoas sobre como montar um planejamento de carreira, com a Denise Brasil.

Curso grátis!

Como fazer networking?

Como vimos, os contatos profissionais podem ajudar você com indicações e oportunidades. Mas como criar e cultivar essas relações? A seguir, listamos algumas dicas para quem quer começar a criar networking do jeito certo. Confira.

Busque pessoas com interesses em comum

Para garantir relações duradouras, é interessante que você busque profissionais que tenham interesses em comum com você. Dessa forma, o contato será mais natural e sincero. 

Assim, avalie contatos existentes, como amigos, familiares, colegas de estudos e ex-colegas de trabalho e identifique aqueles que tenham alguma afinidade. Além disso, é válido identificar grupos profissionais e associações relevantes em sua área de interesse.

Encontrar interesses em comum é uma forma de manter o diálogo vivo e conseguir se atualizar sobre os assuntos e participar de discussões sobre tendências e inovações. 

Participe de eventos corporativos

A melhor forma de fazer networking presencial é participando de eventos, conferências, feiras e cursos corporativos. Os eventos voltados para sua área de atuação vão reunir diversas pessoas com interesses em comum, que podem se tornar sua rede de contatos. 

Uma dica para esse tipo de ocasião é trocar cartões de visitas, contatos e perfis nas redes sociais. Além disso, é válido interagir com quem se sentar perto de você e aproveitar os momentos de coffee break para conversar com mais pessoas. 

Garanta sua vaga!

Ative seus contatos

Não basta apenas criar os contatos em um evento e sair de lá com um monte de cartões de visita. É preciso criar uma relação real, enviando mensagens periódicas e interagindo com essas pessoas por meio de encontros, reuniões ou comunicações online.

Redes sociais como o LinkedIn podem ser uma boa opção para ficar por dentro das novidades e manter a proximidade. 

Mas cuidado para não exagerar e tornar a conexão forçada ou invasiva. É importante entender que algumas dessas pessoas podem se tornar próximas, enquanto outras, você só verá em eventos e reuniões. 

Seja prestativo

Uma boa dica para quem quer criar networking é oferecer ajuda. Essa é uma maneira genuína de mostrar que você quer fortalecer o relacionamento profissional. Viu uma vaga ou oportunidade que acredita que seu contato pode se encaixar? Então que tal marcá-lo na postagem ou enviar as informações por inbox?

Caso precise pedir ajuda para um contato mais experiente que você, também é importante ser sutil e cordial. Lembre-se que a pessoa pode ter uma rotina agitada, então, tente ir direto ao ponto para agilizar e não incomodar. 

Tenha uma abordagem sincera

Ser autêntico é um diferencial importante na hora de fazer networking. Pense em quantas conexões aquele profissional tem no LinkedIn, por exemplo. Provavelmente, são centenas e você precisa se diferenciar dos demais

A melhor forma de fazer isso é sendo criativo e sincero. Em vez de mandar a mesma mensagem de aniversário padrão, por exemplo, pense em algo personalizado e interessante. 

Se aproximar das pessoas apenas pensando no que você pode ganhar com isso não é uma boa ideia. Por isso, foque em criar conexões reais, se interesse pelo que as pessoas têm a dizer e não tenha medo de ser você mesmo. 

Deixe sua rede informada

Como você espera receber indicações de vagas, se as pessoas com quem você se conecta não sabem nada sobre sua carreira? A dica, portanto, é manter sua rede informada sobre projetos que iniciou, cursos que está fazendo e sua busca por recolocação no mercado. 

Você também pode oferecer suporte e compartilhar recursos relevantes com seus contatos, além de contribuir para a comunidade profissional por meio de palestras, publicações ou participações em painéis.

Criar esse diálogo possibilita que suas conexões consigam dar o suporte e compartilhar informações úteis. Assim como você, é provável que essas pessoas também estejam interessadas em criar networking. Dessa forma, é essencial que essa seja uma relação de reciprocidade e oferecimento de ajuda mútua. 

💡 Leia também:

Como fazer networking online? 

O networking online utiliza plataformas digitais para criar redes de trabalho. Se você não consegue estar presente em eventos e cursos presenciais, essa pode ser uma boa alternativa para não ficar isolado no mercado de trabalho. 

Existem diversas ferramentas que podem ser utilizadas para criar networking nas mídias. A mais conhecida é, com certeza, o LinkedIn, mas você também pode participar de grupos de discussão em outras plataformas como o WhatsApp, o Telegram e até o Facebook. 

Envolver-se em fóruns e criar conteúdos nas redes também é uma forma de atrair outros profissionais com os mesmos interesses e criar conexões. Mas lembre-se, não basta adicionar as pessoas e desaparecer. É importante construir um diálogo, compartilhando informações e respondendo a todos sempre que possível. 

Lembre-se também de otimizar seu perfil online e atualizá-lo frequentemente, para que ele possa refletir sua experiência e objetivos profissionais atuais, atraindo outros profissionais com interesses em comum.

➡️ Dica: você também pode participar de comunidades que tenham relação com a sua área de atuação. Por exemplo, se trabalha com RH, pode participar das comunidades da Sólides. Lá, além de conteúdo sobre a área, vai encontrar outros profissionais e boas oportunidades. 

Dicas para fazer networking sendo uma pessoa tímida

A gente entende que nem sempre você tem o perfil desinibido e consegue criar amizades e relações com pessoas que não conhece. Mas a timidez não pode ser um empecilho para um bom networking. 

Nesse caso, uma dica interessante é se aproximar de pessoas que já fizeram parte de sua vida profissional e acadêmica, como colegas de faculdade e de trabalho. 

Sabe aquele antigo parceiro de trabalho com quem você tinha uma boa relação, mas acabou se afastando? Que tal mandar uma mensagem e retomar o contato. Pode ser que, hoje em dia, vocês ainda compartilhem dos mesmos interesses. 

Outra dica válida é buscar treinamentos e workshops para desenvolver habilidades de comunicação eficazes. Isso vai ajudar você a se soltar e saber como ouvir ativamente e fazer perguntas relevantes.

Concluindo, criar bons relacionamentos profissionais é uma forma de ser lembrado e estabelecer conexões com pessoas que compartilham dos seus interesses. Isso pode ajudar, principalmente, quem busca novas oportunidades de emprego e precisa de recomendações e referências. 

Esse é o seu momento atual? No Portal de Vagas da Sólides você encontra diversas vagas e pode se candidatar de forma simples e rápida. Acesse o site e confira todas as oportunidades que temos para você. 

Técnicas para manter o networking ativo

Tão importante quanto criar networking, é mantê-lo ativo. Assim, separamos algumas dicas que podem te ajudar a transformar esse hábito em rotina:

  • Seja proativo: entre em contato com seus contatos regularmente, não apenas quando precisar de algo.
  • Se torne referência: compartilhe seus conhecimentos, recursos e tempo para ajudar outros.
  • Comemore as conquistas: reconheça e parabenize os sucessos de seus contatos.
  • Seja autêntico: construa relacionamentos baseados na confiança e no respeito mútuo.
  • Seja voluntário: ofereça seu tempo para uma causa que você apoia.
  • Frequente cursos e feiras: aprenda novas habilidades e expanda sua rede de contatos.

Compartilhe:

Você também vai gostar!

Rolar para cima