As 3 mudanças do RH que você precisa conhecer

Tempo de leitura: 5 minutos

Que o cotiano do Recursos Humanos está mudando, todo mundo já sabe. Na realidade, esse departamento é apenas um dos vários que estão tentando acompanhar as transformações sofridas pela sociedade, que, como podemos ver, são diversas. As mudanças do RH vieram para ficar e transformar o setor.

Tudo faz parte de um ciclo. O mercado muda, a forma de se trabalhar, o que é produzido, a velocidade de produção e até mesmo o que é considerado valor dentro das empresas. O contexto não para de evoluir e os profissionais precisam participar ativamente dessas atualizações.

Durante cerca de 100 anos, o departamento de Recursos Humanos se manteve quase que estagnado. As mudanças que ocorreram nessa época, certamente serviram de base para tudo o que estamos vivendo. Porém, elas não foram tão expressivas como as que estamos presenciando nos últimos anos.

O setor tem passado por muitas alterações relevantes. A valorização do capital humano e a descoberta de novas maneiras de gestão promoveram mudanças no RH, continue lendo para conhecer algumas!

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

1. Gestão de pessoas por meio do mapeamento de perfil comportamental

O surgimento e ascensão da própria gestão de pessoas em si, já foi um marco para o trabalho dos RH. Toda essa tendência serviu para mudar a forma com que esses profissionais enxergam os colaboradores em geral e também para mudar a forma como os gestores e líderes entendem seus funcionários.

A gestão de pessoas otimizou, e muito, todo o mercado nos últimos anos. A mudança no modo de enxergar o capital humano dentro das empresas, serviu para prever e até mesmo conter gastos considerados normais, mas que, na realidade, são extremamente desnecessários para os negócios como um todo.

Junto com todas as possibilidades que essa maneira de gerir trouxe para o mercado, surgiram ainda ferramentas e alternativas para garantir ainda mais a efetividade desse tipo de gestão.

Como a gestão de pessoas é um processo baseado no capital de maior valor dentro das empresas, o RH deve conhecer muito bem quem são as pessoas que compõem a organização. Por esse motivo, a aplicação do mapeamento do perfil comportamental nos mais diversos setores, é um grande auxílio para esses profissionais.

O ser humano é complexo e muito diferente entre si. Muitas vezes, lidar com essas diferenças é o maior desafio do departamento de RH ao implementar uma gestão de pessoas.

Por isso, o mapeamento de perfil comportamental facilita e garante um trabalho de maior qualidade em todo o caminho a ser percorrido.

2. Processos seletivos on-line

Mais do que apenas enviar e receber currículos pela internet, esse meio tem oferecido outras possibilidades para os processos seletivos das empresas. Quando esse método é utilizado com sabedoria, todo o processo seletivo se torna mais ágil, econômico e eficaz.

Antigamente, o departamento de RH divulgava a vaga em aberto da forma mais interessante para encontrar seus candidatos, recebia os currículos e fazia entrevistas.

Nos dias atuais, é possível divulgar vagas por meio das redes sociais, fazer um pré recrutamento através das páginas de Trabalhe Conosco, uma primeira triagem dos candidatos através de currículos recebidos, formulários e também testes comportamentais e, só depois de tudo isso, partir para etapas finais como entrevistas e dinâmicas em grupo.

Pela quantidade de coisas dentro de todo o processo de recrutamento que foi falado aí em cima, pode parecer que tudo isso demora muito tempo. Porém, na realidade, essas etapas podem acontecer de forma muito mais rápida do que acontecia antes, exatamente por conta de toda a triagem que é feita de maneira online.

Obviamente, o que foi citado acima é apenas um exemplo e existem diversas outras possibilidades de se realizar processos seletivos on-line. O primeiro passo é pesquisar sobre as diferentes maneiras e tentar encontrar um que se adeque mais à realidade da sua empresa.

3. Integração do RH com outros setores da empresa

Uma das mudanças mais importantes que ocorreu dentro do departamento de Recursos Humanos foi a forma como esse departamento estava inserido dentro de uma organização.

Demorou bastante tempo para que os gestores entendessem que o RH de uma empresa é um setor muito fluido e que, para funcionar da maneira mais satisfatória, ele deve estar em constante contato com os demais setores.

Todas as mudanças no RH que ocorreram nos últimos anos, deixam evidente a maior valorização do capital humano por parte das empresas. O departamento de Recursos Humanos deixou de lado o operacional e passou a focar também em pessoas e comportamentos.

Como sabemos que todos os setores de todas as empresas necessitam do capital humano para manter o seu funcionamento, sempre haverá espaço para o RH nesse quesito. Por esse motivo, o relacionamento dos Recursos Humanos com os demais setores, é sempre essencial.

Para você ter uma ideia, o departamento de RH pode se integrar até mesmo com o financeiro de uma organização. Isso acontece porque um RH estratégico enxerga que é capaz de gerar capital financeiro através de uma boa gestão e, por isso, o setor financeiro da empresa não pode ficar de fora.

Você está pronto para transformar e promover mudanças no RH da sua empresa? Leia o nosso e-book e aprenda “Como aumentar resultados identificando o perfil dos colaboradores” e saiba como colocar em prática essas mudanças!

5 1 vote
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Henrique

Boa tarde! Ótimo artigo, adorei as ideias apontadas