7 exemplos de metodologias para desenvolvimento de pessoas

Tempo de leitura: 6 minutos

Toda empresa que almeja o sucesso deve se preocupar com a evolução de seus colaboradores, tanto no que diz respeito às questões técnicas quanto às comportamentais. Diante disso, o grande desafio do RH é encontrar as metodologias para desenvolvimento de pessoas que mais se adequam à realidade e às necessidades específicas do negócio.

Pensando nisso, neste artigo, trazemos 7 exemplos de metodologias utilizadas em empresas de diferentes tamanhos e áreas de atuação para servir de inspiração para a sua organização. Elas podem ser aplicadas de forma isolada ou mesmo em um programa integrado e robusto de treinamento e desenvolvimento de talentos. Confira!

1. Seminários e workshops

O seminário é um tipo de treinamento que consiste no aprofundamento de um determinado tema por meio de apresentações e palestras com profissionais experientes e referências em seus campos de atuação. Já o workshop tende a ser algo menos formal, com a formação de grupos menores e com atividades práticas para melhor fixação do conteúdo.

Ambos os casos são excelentes escolhas quando a empresa deseja aprimorar o conhecimento dos seus colaboradores acerca de um assunto que traga benefícios diretos para o negócio ou mesmo para o dia a dia das pessoas, impactando na cultura e no clima organizacional.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Assim, se a empresa nota que os colaboradores estão apresentando altos níveis de estresse e a percepção do clima está se tornando negativa, por exemplo, ela pode oferecer um seminário sobre como deixar a rotina mais leve e saudável. Ainda, se o RH percebe que vários vendedores precisam desenvolver suas técnicas de vendas, é possível montar um workshop sobre o assunto, proporcionando um aprendizado mais preciso e prático.

2. Universidade corporativa

A universidade corporativa é uma maneira de instruir e educar os colaboradores da empresa sobre diferentes tipos de assuntos que estejam relacionados ao negócio de alguma forma. 

Em sua grande maioria, os conteúdos são oferecidos no formato de cursos ou treinamentos, que podem ser presenciais ou remotos. A modalidade de ensino a distância (EAD) tem ganhado cada vez mais força nas universidades corporativas, pois possibilita mais flexibilidade aos colaboradores para participarem dos treinamentos e cursos oferecidos.

Por fim, uma estratégia bastante comum é atrelar a realização de determinados cursos da universidade corporativa ao plano de carreira dos profissionais, o que aumenta as suas chances de uma promoção ao se dedicarem ao uso dessa ferramenta.

Conheça os cursos da Universidade Sólides.

3. Grupos de estudos

Os grupos de estudos são a união de pessoas em torno de um assunto em comum. Seu principal objetivo é aprofundar os conhecimentos sobre o tema e proporcionar novas descobertas e inovação para os participantes e para a empresa como um todo.

A aplicação mais habitual dessa metodologia de desenvolvimento de pessoas acontece quando a organização se depara com alguma novidade que surge no mercado e que ela precisa adequar ou mesmo quando deseja se manter à frente dos concorrentes por meio da inovação constante em seus processos e entregas.

banner do ebook perfil comportamental o guia completo

4. Mentoria e Coaching

A mentoria é uma metodologia que consiste na transferência de conhecimentos de um profissional mais experiente para outro mais novo em sua carreira. O mentor atua como um guia, que usa toda a sua vivência na área de atuação como aprendizado para quem está começando agora.

Por outro lado, o coaching é um processo mais robusto, que envolve tanto a carreira profissional quanto questões pessoais. Trata-se de uma metodologia de desenvolvimento de pessoas utilizada em cargos mais altos, que têm mais responsabilidades atreladas, pois não é um processo barato.

Uma das ferramentas mais utilizadas em ambos os processos é a criação de um Plano de Desenvolvimento Individual (PDI), que ajuda a orientar os próximos passos no plano de carreira do colaborador e a tomar as melhores decisões ao longo dessa jornada. É possível aprender mais sobre essa ferramenta no curso gratuito PDI – Plano de Desenvolvimento Individual.

5. Treinamento técnico

O treinamento técnico tem por objetivo desenvolver uma ou mais habilidades técnicas nos colaboradores. Ele pode estar voltado para o ensino do uso de determinada ferramenta ou sobre como deve ser realizado determinado processo, entre outros direcionamentos. O mais importante é que ele aumenta o conhecimento teórico e prático dos participantes e permite que eles desempenhem suas funções com mais qualidade.

Os treinamentos técnicos podem ser oferecidos em diversos formatos, de acordo com a necessidade de cada situação. Ainda, podem ser presenciais ou EAD, seminários ou workshops e até mesmo estarem inseridos na universidade corporativa. 

6. Treinamento comportamental

O treinamento comportamental tem o seu foco voltado para os comportamentos dos colaboradores, não no sentido de impor algo ou limitá-los, mas de compreendê-los e utilizá-los de forma mais produtiva, tanto para as pessoas quanto para a organização. 

Mas por se tratar de questões mais subjetivas, é preciso utilizar as ferramentas certas na hora de desenvolver um treinamento comportamental. O Profiler é um ótimo exemplo, já que permite conhecer o perfil comportamental dos colaboradores e estabelecer os comportamentos necessários em cada cargo para que a empresa atinja seus objetivos. 

Com base em informações concretas obtidas no sistema, fica muito mais fácil identificar quais são as habilidades a serem trabalhadas para a montagem de treinamentos mais precisos e eficientes.

Banner_Gamificacao

7. Gamificação

A gamificação é uma das metodologias para desenvolvimento de pessoas que está relacionada a como os treinamentos e cursos são oferecidos aos colaboradores. Ela parte da premissa da adoção da lógica, das regras e do design de jogos no processo de ensino e aprendizagem. Em outras palavras, o colaborador tem a sensação de estar jogando enquanto, na verdade, está aprendendo algo novo e se desenvolvendo.

O aprendizado pode ser dividido em fases progressivas, com desafios a serem cumpridos, pontos a serem conquistados e recompensas a cada etapa. Esse formato aumenta o engajamento e melhora a absorção e fixação dos conhecimentos adquiridos.

Como vimos, existem várias metodologias para desenvolvimento de pessoas que podem ser aplicadas em diferentes momentos da empresa. Cada uma delas tem seus pontos positivos a serem explorados e podem proporcionar muitos ganhos ao negócio. Logo, não espere que seus profissionais permaneçam estagnados para começar a utilizar um desses métodos!

Gostou do conteúdo sobre metodologias para desenvolvimento de pessoas? Quer se aprofundar um pouco mais nesse tema? Então, baixe agora mesmo nosso material completo sobre planejamento de treinamento por perfil de equipes!

5 1 vote
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments