O impacto da gestão de benefícios no sucesso da sua empresa

Tempo de leitura: 5 minutos

O mundo corporativo está em constante mudança. A todo momento, novas tendências surgem, e as empresas precisam se adaptar para manter a competitividade, como é o caso de uma excelente gestão de benefícios.

Se o pacote de benefícios para funcionários “básico” era o bastante, hoje o cenário é bem diferente. Os colaboradores valorizam organizações que oferecem uma lista de benefícios diversa e completa.

Em tempos de crise, isso se torna ainda mais importante, visto que a adoção de uma estratégia que contemple a gestão de benefícios corporativos pode contribuir para a retenção de talentos e para a redução de custos. Ficou interessado e quer saber mais? Continue a leitura!

Gestão de benefícios: entenda o conceito

Para começar, nada melhor do que ficar por dentro do que se trata o conceito de gestão de benefícios. Basicamente, essa ação consiste em um conjunto de mecanismos, em acordo com a visão da organização, para fornecer vantagens aos colaboradores — ou seja, algo extra salarial. 

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Existem diversos tipos de benefícios corporativos a serem ofertados. Para decidir as melhores opções, o gestor de benefícios fica responsável por desenvolver planos de ação, acompanhar práticas oferecidas pelo mercado e administrar o orçamento da área.

A gestão de benefícios nas empresas deve atender às necessidades dos colaboradores. Isso resulta em maior motivação, melhor desempenho e engajamento dos profissionais (algo muito valioso e benéfico para qualquer organização), assim como diminui a rotatividade dos funcionários.

Qual a importância da gestão de benefícios em uma empresa?

As pessoas estão dando, cada vez mais, valor ao seu próprio desenvolvimento, investindo em aperfeiçoamento com o objetivo de se destacar dos demais e de buscar reconhecimento dentro e fora da organização. Assim, com o intuito de entender e apoiar esse crescimento, é fundamental o papel dos Recursos Humanos para construir uma sólida cultura organizacional.

Nesse contexto, a gestão de benefícios é uma ação estratégica de RH e evidencia sua importância, uma vez que garante a satisfação dos colaboradores e traz benefícios para a organização como um todo. Afinal, o capital humano é o principal ativo de qualquer empresa.  

Como a gestão de benefícios pode reter e engajar talentos?

Entendendo o que é a gestão de benefícios, qual sua importância e como implementá-la, a empresa consegue reter, motivar e engajar talentos. Como isso é possível? Bom, utilizando-a de forma eficiente. 

Pensando nisso, nossa equipe separou 3 pilares fundamentais para esse processo. Dessa maneira, você pode descobrir quais são as melhores práticas em uma gestão de benefícios e garantir esse sucesso para sua organização. Veja!

 1 – Envolva as pessoas na escolha dos benefícios

Acreditar que os mesmos benefícios têm utilidade para todos é a premissa básica para o insucesso de qualquer gestão. As organizações possuem colaboradores casados, solteiros, de nível sênior e júnior, e cada um apresentará necessidades e prioridades diferentes.

Os benefícios oferecidos devem atender aos interesses da maior quantidade (e diversidade) de colaboradores. Invista em uma pesquisa interna para saber o que realmente será útil para as pessoas e busque o equilíbrio dessas necessidades com o que a empresa pode oferecer.

2 – Comunique os benefícios oferecidos

É importante que os colaboradores saibam e estejam atualizados sobre os benefícios que a empresa oferece. Utilize e-mails, murais, intranet, aplicativo do colaborador e outras formas de comunicação interna para informar e engajar os colaboradores no uso dos benefícios. Afinal, não adianta oferecer algo que não é utilizado na prática. É preciso se certificar de que o investimento está sendo aproveitado pela equipe.

banner para baixar ebook sobre Guia completo de engajamento de funcionários: conceito, dicas e impactos-gestão de benefícios

3 – Reavalie sempre os benefícios

As necessidades das pessoas mudam com o tempo, e os benefícios da empresa devem acompanhar isso, na medida do possível. Esteja sempre atento ao público interno e às necessidades e mudanças dele. De tempos em tempos, vale a pena utilizar a pesquisa de satisfação interna a fim de avaliar a efetividade da gestão de benefícios da organização.

A tecnologia e a gestão de benefícios

A tecnologia vem ganhando, cada vez mais, espaço no mundo corporativo e nas mais diversas áreas.. A razão disso é que os recursos digitais oferecem inúmeras vantagens para as organizações, facilitando processos e otimizando resultados.

No caso da gestão de benefícios, as ferramentas digitais podem ser utilizadas para tirar as boas práticas do papel. Por exemplo, sabemos que, para garantir bons benefícios, que atendam às necessidades de todos, é necessário conhecer o perfil dos profissionais.

Nesse caminho, é possível contar com alguns recursos de análise, como o Profiler, o mapeamento comportamental da Sólides. Com ele, a empresa pode analisar os perfis comportamentais dos colaboradores e compreender quais ações fazem mais sentido e trarão mais resultados.

Continue aprendendo!

Agora que você já sabe quais impactos a gestão de benefícios pode trazer para o seu negócio e como implementá-la com eficiência, que tal potencializar seu aprendizado? Confira nosso artigo e descubra as melhores práticas para engajar colaboradores contando com o apoio da tecnologia.

5 2 votes
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments