O impacto da gestão de benefícios no sucesso da sua empresa

Tempo de leitura: 3 minutos

O mundo corporativo está em constante mudança. A todo momento, novas tendências surgem e as empresas precisam se adaptar para não ficar para trás e manter a competitividade. Por exemplo: se antes o pacote de benefícios “básico” era o bastante, hoje o cenário é bem diferente. Os colaboradores valorizam as organizações que oferecem uma lista de benefícios diversa e completa. Em tempos de crise, isso se torna ainda mais importante, uma vez que a adoção de uma estratégia que contemple a gestão de benefícios corporativos pode contribuir para a retenção de talentos e para a redução de custos.

A gestão de benefícios como retentora de talentos

Uma gestão de benefícios eficiente tem como objetivo atender às necessidades dos colaboradores, o que resulta em maior motivação, melhor desempenho e engajamento dos profissionais (algo muito valioso e benéfico para a própria empresa) e diminuição da rotatividade dos funcionários.

As pessoas estão dando cada vez mais valor ao seu próprio desenvolvimento, investindo em aperfeiçoamento, com o objetivo de se destacar dos demais e buscar reconhecimento dentro e fora da organização.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Assim, no intuito de entender e apoiar o crescimento pessoal e profissional dos colaboradores, é fundamental o papel dos Recursos Humanos para construir uma sólida cultura organizacional. Neste contexto, a gestão de benefícios pode se tornar uma ação estratégica de RH.

Para orientá-lo melhor sobre o assunto, conheça os 3 pilares para uma eficiente gestão de benefícios:

1. Envolva as pessoas na escolha dos benefícios

Acreditar que os mesmos benefícios têm utilidade para todos é a premissa básica para o insucesso de qualquer gestão. As organizações possuem colaboradores casados, solteiros, de nível sênior e júnior, e cada um apresentará necessidades e prioridades diferentes.

Os benefícios oferecidos devem atentar aos interesses da maior quantidade (e diversidade) de colaboradores. Invista em uma pesquisa interna para saber o que realmente será útil para as pessoas e busque o equilíbrio dessas necessidades com o que a empresa pode oferecer.

2. Comunique os benefícios oferecidos

É importante que os colaboradores saibam e estejam atualizados sobre os benefícios que a empresa oferece. Utilize e-mails, murais, intranet e outras formas de comunicação interna que a organização disponha para informar e engajar os colaboradores no uso dos benefícios. Afinal, não adianta oferecer algo que os funcionários não utilizam. É preciso se certificar de que o investimento está sendo aproveitado pela sua equipe.

3. Reavalie sempre os benefícios

As necessidades das pessoas mudam com o tempo e os benefícios da empresa devem acompanhar isso, na medida do possível. Esteja sempre atento ao público interno e às necessidades e mudanças dele. De tempos em tempos, vale a pena utilizar a pesquisa de satisfação interna para avaliar a efetividade da gestão de benefícios da organização.

cultura-organizacional
Se você gostou deste artigo sobre o impacto da gestão de benefícios no sucesso da sua empresa, acesse o blog do Gympass e confira mais conteúdos como este!

*Este artigo foi escrito por Marcelo Sartori, head de RH do Gympass. Ele acredita que a empresa é uma das poucas que já nasceram com um propósito: mudar a vida das pessoas e dar opções reais para que elas tenham uma vida mais saudável.


Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of