Aprenda o que é feedback, qual a importância para empresa e veja exemplos para aplicar no dia a dia

Tempo de leitura: 24 minutos

Sem tempo para ler sobre feedback? Aperte o play para escutar esse conteúdo!

Feedback é uma resposta dada a um profissional com o intuito de estimulá-lo. Uma avaliação que pode ser positiva, construtiva ou negativa. Essa ferramenta é eficiente por permitir que a comunicação flua melhor dentro do ambiente corporativo.

Existem diferentes formas de abordar o colaborador e adotar o feedback dentro de uma empresa. Quando incluída na cultura organizacional, pode-se potencializar as ações e conseguir resultados que impactam a performance e o clima do ambiente de trabalho.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Neste artigo você vai ver:

  • O que é feedback?
  • Quais são os tipos de feedback e exemplos de cada um
  • Como dar feedback construtivo, positivo e negativo
  • Importância do feedback para a empresa
  • Benefícios do feedback para os colaboradores e gestores
  • Entenda como construir um feedback adequado
  • Como receber e oferecer feedback
  • Erros que devem ser evitados na hora do feedback
  • Quais são as principais técnicas de feedback
  • Como associar o feedback com o perfil comportamental

Neste guia, você vai conferir tudo o que é necessário para entender a importância do feedback, suas várias técnicas e formas de aplicar. Então, vem com a gente e entenda mais sobre esse assunto.

Faça o download gratuito:

5 dicas para dar feedbacks efetivos para seus liderados.
Clima organizacional: o que é e como mantê-lo em alta.

O que é feedback?

Você sabe o que é feedback? Trata-se de uma resposta oferecida ao colaborador como forma de estímulo. Ele é feito por meio de uma avaliação do líder para o liderado ou vice-versa. O objetivo é levar o interlocutor a entender mais sobre o seu comportamento dentro da empresa, mostrando como ele foi interpretado ou recebido pelo próximo.

Portanto, o feedback é um meio de comunicação, é uma demonstração de investir na relação entre empresa e colaborador para que haja o aprendizado constante e melhor desenvolvimento profissional.

Sendo assim, dar um feedback quer dizer que você se importa com o seu profissional o suficiente para sair da sua zona de conforto e ter uma conversa bastante aberta. Mas que ela seja feita de forma profissional, com cuidado e carinho. Por isso, precisa ser preparado em seus detalhes para que seja algo transformador e eficiente.

Além disso, vale ressaltar que o feedback é composto por mais do que palavras. Por isso, o tom de voz que usamos está envolvido no meio dessa comunicação, então, atenção para que não soe como agressivo. Ainda, a expressão corporal também conta bastante na hora de ter essa conversa. Logo, tome cuidado com os seus gestos para que eles não expressem algo inadequado.

ebook_elaborar_pdi_com_a_sólides

Quais são os tipos de feedback?

Há alguns modelos de feedback que podem ser adotados em sua empresa. A diferença entre eles é o seu objetivo.

Feedback construtivo

Esse modelo tem o objetivo de abordar algum comportamento ou atitude que obteve um impacto negativo e que deve ser trabalhado. Para tanto, é necessário dar a ele um caminho para conseguir melhorar em algo.

Exemplos de feedback construtivo

Quando um colaborador tem uma atitude impulsiva ou descontrolada no meio de um atendimento, por exemplo, é possível mostrar a ele um caminho para melhorar. A abordagem pode ser:

  • “Percebemos que você está um pouco agitado nos últimos dias, podemos ajudar? Precisa conversar? É algo aqui na empresa que o incomoda? Às vezes, colocar os sentimentos para fora ajuda a melhorar nosso comportamento. No entanto, precisamos que você se comprometa a não deixar os seus impulsos falarem mais alto durante um atendimento. Conte conosco para o que necessitar”.

Outro momento em que o feedback construtivo pode ser útil é quando o gestor nota que o colaborador está desmotivado, contribuindo para o aumento do absenteísmo e presenteísmo. Logo, nesse cenário, a abordagem pode ser feita da seguinte maneira:

  • “ Vimos que você tem estado recluso e desmotivado na realização das suas atividades e na interação com o time ultimamente. Podemos ajudar de alguma forma? Caso tenha relação com suas funções, podemos analisar alguns reajustes na sua demanda ou desenhar um novo plano de ações. Agora, caso você esteja passando por problemas pessoais, sinta-se à vontade para compartilhar conosco. Estamos aqui para ajudar!

Ainda, sabemos que podem ocorrer erros na realização de tarefas e processos no ambiente organizacional. Quando o erro não causa um grande impacto no time ou nos resultados da organização, o feedback construtivo pode ser abordado nessa linha:

  • “ Sabemos que erros acontecem, mas para que essa mesma situação não ocorra novamente, o que você acha que poderia ter feito de diferente? Podemos te dar algumas dicas para melhorar esse processo e evitar um novo erro. Gostaria de conversar sobre isso? Qualquer dúvida, não hesite em me procurar!”

Feedback positivo

Esse tem o objetivo de elogiar uma atitude de um profissional ou um comportamento que teve um impacto positivo. Ainda, mostra para esse colaborador que a empresa gostaria que ele repetisse essa atitude.

Exemplos de feedback positivo

Citar exemplos reais, vividos pela pessoa avaliada, é importante para que ela entenda do que se trata esse feedback. Portanto, se o colaborador bateu a meta de vendas estabelecidas pelo gestor no mês e foi também elogiado por um cliente, ele precisa saber disso.

Veja como você pode abordar esse feedback:

  • “Parabéns, você bateu a sua meta do mês e também foi elogiado pelo cliente X, pois foi atencioso em sua ligação. Continue assim!”

Outra situação onde o feedback positivo pode ser aplicado é quando, em um período de alta demanda de tarefas, o colaborador faz horas extras. Desse modo, você pode abordar esse feedback da seguinte forma:

  • “Obrigada por se disponibilizar a oferecer um reforço extra nesse momento de grande fluxo de trabalho! Sabemos que trabalhar depois do horário não é fácil, por isso agradecemos sua atitude positiva em colaborar para que o time alcance seus objetivos e que nenhum colega saia prejudicado.”

Ainda, quando o colaborador é participativo nas reuniões de equipe e contribui com ideias e cases de sucesso, você pode oferecer o feedback positivo assim:

  • “Obrigada por contribuir com sugestões e exemplos de situações reais que só têm a agregar para que o time cresça e desenvolva da melhor forma os processos do setor! Você tem se mostrado um profissional que contribui para uma cultura cada vez mais forte. Te esperamos na próxima reunião!”

Dar o feedback positivo é detalhar a ação do colaborador para que ele entenda quais são os pontos fortes do seu trabalho. Portanto, mesmo que seja uma atitude simples, mas que tenha tido um impacto grande, elogie!

Feedback negativo

Esse é um tipo de feedback que precisa ser pensado com mais detalhes. Afinal, é uma conversa na qual você vai falar sobre algo que deve ser aprimorado. Não somente, será um comentário negativo, que explicará como uma atitude não foi legal dentro do ambiente de trabalho.

Normalmente, existem três tipos de feedback negativo:

  • gestor para o colaborador;
  • colaborador para o gestor;
  • colaborador para colaborador.

Exemplos de feedback negativo

Quando o gestor precisa falar para o colaborador sobre uma demanda em atraso, ele pode fazer a seguinte abordagem:

  • “Compreendo que você tem passado por alguns problemas, caso precise de ajuda, estamos aqui para auxiliar. Porém, o fato desse obstáculo ter sido colocado a frente do seu trabalho afetou as suas entregas de demandas nesses dias. Precisamos que você saiba separar melhor essas situações para não impactar o seu desenvolvimento”.

Agora, quando o gestor deixa a equipe de lado e prejudica o desenvolvimento do time, a abordagem pode ser da seguinte forma:

  • “Sei que você está preocupado em entregar as suas demandas dentro do prazo. Mas a sua atitude afetou o desenvolvimento de toda a equipe na produção do projeto X. No entanto, você pediu para passarmos outras tarefas na frente, o que nos confundiu sobre a ordem de prioridade. Como nosso gestor, é importante que se preocupe com todo o time“.

Ainda, quando um colaborador precisa conversar com outro porque a sua atitude está atrapalhando o seu desempenho, a forma de falar pode ser:

  • “sei que o seu modo de falar não é de propósito. Porém, quando você fala muito alto acaba atrapalhando a minha concentração nas tarefas. Portanto, é importante que a gente consiga chegar a um ponto de equilíbrio para que a equipe tenha sucesso de forma geral.”

Além dos três tipos de feedback negativo que citamos, também existe a devolutiva negativa no processo de recrutamento e seleção, ou seja, quando o candidato não é aprovado. 

Esse tipo de feedback é muito importante para que o profissional possa melhorar em alguns pontos e ser aprovado em outro processo seletivo futuro ou em outra empresa, por exemplo. Nessa situação, a abordagem pode ser feita da seguinte forma:

  • “Infelizmente, neste momento, não foi possível sua aprovação no processo seletivo. Seu currículo é ótimo, no entanto, você ainda não apresenta as habilidades que precisamos para este cargo. Recomendamos alguns cursos na área (citar exemplos) para que você possa adquirir tais hard skills. Estaremos à disposição para recebê-lo novamente em uma próxima oportunidade”.

Por último, mas não menos importante, existe o feedback negativo para quando você precisa demitir um colaborador. Aqui, é importante resgatar os feedbacks que foram oferecidos ao longo da trajetória do colaborador, mas que não resultaram em mudanças positivas. Veja agora um exemplo:

  • “Durante o tempo que você esteve conosco, procuramos oferecer feedbacks construtivos para que você se desenvolvesse como profissional e como pessoa. Mesmo assim, entendemos que você teve dificuldades em se adaptar à nossa cultura, mas agradecemos por toda sua contribuição e temos certeza que encontrará uma empresa que dê match com seu perfil e desejamos muita sorte no seu caminho!”

Feedback pessoal

Este tipo de feedback se refere ao comportamento social do colaborador diante das suas responsabilidades e na convivência com os demais colegas de time. Nesse sentido, ele pode ser positivo, negativo ou construtivo. Sabemos que o novo profissional do mercado valoriza estar em um ambiente com clima organizacional saudável.

Logo, é fundamental oferecer feedback pessoal para evitar conflitos entre colegas de equipe que geralmente ocorrem por diferenças de perfis comportamentais e também por conversas paralelas dentro do ambiente de trabalho.

Feedback insignificante

Como o próprio nome diz, trata-se de uma devolutiva sem propósito. Geralmente, a pessoa que o oferece não se baseia em dados sólidos no momento da conversa one-on-one. Assim, o feedback em nada agrega positivamente ou de forma construtiva na conduta do colaborador que o recebe, não surtindo efeito algum.

Feedback ofensivo

Por ser extremamente desrespeitoso, esse também é outro tipo de feedback que não deve ser utilizado no ambiente organizacional. Essa é uma devolutiva oferecida quando o gestor age no “calor do momento” utilizando palavras que ofendem o colaborador que a recebe, por exemplo, “preguiçoso”, “irresponsável”, dentre outros adjetivos que nada tem a agregar na conduta do profissional.

Importância do feedback para a empresa e colaboradores

Uma empresa é formada por profissionais que trabalham em conjunto. Entretanto, seus comportamentos são diferentes, afinal, são pessoas diferentes. Logo, a organização precisa ficar atenta para que todos atendam às necessidades. Somente com uma boa equipe é que uma instituição se manterá competitiva e sustentável no mercado em que atua.

Por isso, o feedback é tão importante, uma vez que ele ajuda a empresa a aprimorar a sua equipe para que o produto ou serviço que eles executam se tornem cada vez melhor. Além de terem profissionais cada vez mais qualificados em sua área.

O mercado já recebe muito bem o feedback de seus clientes e sabe que isso é importante para que uma empresa se mantenha em alta no mercado. Porém, é preciso que essa cultura também seja aceita de forma bem aberta dentro das organizações.

O feedback, vindo de um consumidor para a empresa, pode ser feito por meio de uma ferramenta chamada Net Promoter Score (NPS). Há outras formas de uma instituição receber esse retorno do cliente como por canais de atendimento, por pesquisa de satisfação no site etc.

Todos esses retornos coletados podem proporcionar melhorias para os serviços ou produtos da empresa. A importância dessa ferramenta para o crescimento de uma marca aparece quando descobrimos que não é possível perceber as melhorias que um produto ou serviço precisam sem esse retorno. Portanto, é necessária a ajuda do público externo.

Melhorando o ambiente corporativo

Já dentro do ambiente corporativo, o feedback traz melhoria no relacionamento da equipe e uma forma de solucionar os pontos cegos que passam despercebidos. Seja ele de um líder ou um colega de trabalho, é crucial para aprimorar o que deve ser mais bem desenvolvido e exaltar comportamentos que precisam ser mantidos.

Por isso, disseminar a cultura do feedback dentro de uma organização resulta em um nível maior de satisfação do seu público interno e externo. Além de ser uma boa oportunidade para fidelizar o seu cliente/consumidor.

Veja como o feedback pode ajudar a melhorar o ambiente corporativo:

  • motivação para a equipe: os profissionais, sejam eles líderes ou liderados, terão a oportunidade de saber onde estão acertando e errando;
  • ferramenta de escuta: falar é bom, mas aprender a ouvir pode ser transformador. Com o feedback é possível aprender essa habilidade e ensinar o próximo. Portanto, é uma ferramenta de grandes mudanças positivas dentro de um ambiente corporativo;
  • melhora o desempenho: por meio do feedback, o colaborador ou gestor tem a chance de aprimorar suas habilidades e melhorar o seu profissional;
  • processo de aprendizado: esse meio de comunicação é uma via de aprendizado para todas as partes envolvidas, pois, por meio de uma conversa aberta e sincera, é possível corrigir várias falhas que, em muitos casos, passam invisivelmente.
como fazer pesquisa de clima - ebook

Quais os benefícios do feedback para os colaboradores?

Com certeza, você já identificou uma série de vantagens sobre aplicar corretamente o feedback, não é mesmo? Agora, falaremos mais detalhadamente sobre as vantagens que ele tem para os seus colaboradores.

Confira quais são os benefícios do feedback para a sua equipe:

  • proporciona uma maior proximidade entre o gestor e o colaborador;
  • dá mais confiança para o profissional, pois ele se sente seguro e sabe que pode contar com a ajuda do seu líder, bem como da empresa para melhorar o seu desempenho;
  • é um alerta que dá a chance ao colaborador de aprimorar as suas habilidades ou tomar conhecimento sobre alguma ação que não foi positiva, evitando ser surpreendido com uma possível demissão;
  • é uma maneira de ter um feedback de mão dupla, afinal, se há algo atrapalhando o relacionando entre o gestor e o colaborador, é possível que o líder tenha conhecimento de alguma atitude que não seja positiva;
  • diminui o turnover dentro da empresa, pois, ao aplicar o feedback com periodicidade, a equipe tem chances de melhorar o seu desempenho e o meio de produção, além de mostrar a seu líder que está ao seu lado, apoiando seus passos e transformações;
  • uma forma do colaborador melhorar o seu marketing pessoal, pois o feedback tem essa função, de transformar profissionais, já que as instruções são personalizadas;
  • faz da empresa um local melhor para se trabalhar, portanto, proporciona ao colaborador um ambiente propício, a partir do momento em que a organização mostra a sua empatia, colaboração e cuidado com os seus profissionais. Dessa forma, a relação ficar mais sólida.

Veja também:
[Ferramenta gratuita] Planilha de Plano de desenvolvimento individual

Quais são as vantagens para os gestores?

Não é somente os colaboradores que se beneficiam com o feedback, mas os gestores também. Trata-se de uma via de mão dupla, portanto, todos saem ganhando quando ele é aplicado de maneira assertiva e clara. Acompanhe os benefícios do feedback para os gestores:

  • colaboradores sempre alinhados com os objetivos da empresa;
  • aumento da produtividade da equipe;
  • motivação dos profissionais;
  • retenção de talentos, o que diminui os gastos com desligamentos de colaboradores;
  • gera economia;
  • relação sólida entre gestores e equipe;
  • gestores mais atentos ao que acontece ao seu redor, identificando corretamente os problemas e os corrigindo com assertividade.

Qual a importância do feedback para a avaliação de desempenho?

A avaliação de desempenho é uma poderosa ferramenta de gestão de pessoas, uma vez que contribui para o crescimento e desenvolvimento do colaborador como profissional e como indivíduo. Mas de nada adianta avaliar se não oferecer feedback como uma devolutiva para o colaborador.

Ao receber feedback sobre seu desempenho, o colaborador pode saber mais sobre seu perfil comportamental, entendendo quais são as suas soft e hard skills predominantes e quais ações ele deve realizar para desenvolver as competências que precisa aprimorar.

Assim, o profissional passa a se sentir valorizado e desafiado a fazer parte de uma empresa que busca sua constante evolução, o que o faz a trabalhar com maior motivação e engajamento, melhorando cada vez mais seu desempenho.

Como construir um feedback adequado?

Saber como dar feedback para colaboradores é fundamental. Mas para ele ser construtivo precisa ter alguns elementos. 

Elementos que devem ser considerados para o feedback

É preciso que o gestor pense em todos os detalhes para que o seu liderado receba a mensagem de forma correta e não somente como uma crítica.

Contexto

É importante saber a realidade da situação que originou o feedback. Portanto, é necessário ser bem transparente e especificar o momento para gerar essa conversa, por exemplo: “na última semana ocorreu um comportamento que foi desfavorável”.

Comportamento

Além do contexto, é necessário informar qual tipo de comportamento foi ou não bom dentro da situação. Assim o colaborador saberá onde precisa melhorar ou se a sua atitude foi correta.

Impacto

Ainda, é preciso explicar o impacto que determinado tipo de comportamento ou atitude causa dentro do ambiente corporativo. Afinal, toda ação tem uma reação. As consequências trazem aprendizados, portanto, o gestor precisa aprender a extrair a mudança que o colaborador necessita para passar a mensagem corretamente.

Expectativa

Para finalizar, feche a conversa mostrando as possíveis saídas para que essa situação não ocorra no futuro. Além disso, você pode perguntar ao profissional se ele tem outra forma de solucionar o ocorrido, agindo de maneira preventiva ao invés de corretiva.

Mas deixe claro que você tem a expectativa de melhoria, que conta com o profissional para ajudar a transformar essa situação. Ainda, mostre-se solícito e que está ao lado do colaborador para auxiliar no que precisar.

Banner-Conheca_o_Perfil_do_Time

Dicas de como dar e receber feedbacks

Há algumas estratégias importantes para oferecer um feedback de forma adequada:

  • primeiramente, ele deve ser dado em tempo, ou seja, não pode esperar muito após a ocorrência de um fato para ter essa conversa com o profissional;
  • é preciso se preparar adequadamente, pensar nos elementos para que o feedback seja construtivo e o mais objetivo possível;
  • não usar a prática do sanduíche, ou seja, não inserir uma crítica no meio dos elogios. Se o feedback é para elogiar, que essa seja somente a finalidade, mas se for corretivo, fale sobre a situação e mostre o caminho para que não ocorra novamente;
  • pensar no tom a ser usado nessa conversa para que não se torne algo destrutivo e o colaborador enxergue a crítica como uma punição e não como uma forma de aprimorar o seu lado profissional;
  • o feedback construtivo é o melhor a ser aplicado, pois os profissionais estão sempre em busca de evolução, não somente de elogios ou críticas;
  • aplicar o feedback para os gêneros de forma imparcial, independente de ser homem ou mulher — todos são profissionais e devem ser tratados com respeito, independentemente do sexo.

A melhor maneira de receber o feedback

Em contrapartida, quem recebe o feedback também deve atuar de forma ativa, não somente com passividade. Para tanto, é preciso que o receptor aja de forma que esse retorno seja útil em seu processo de desenvolvimento.

Logo, a pessoa que vai receber o feedback precisa buscar as seguintes reações:

  • reconheça que essa conversa é construtiva, pois pode melhorar a sua produtividade e relacionamento com toda a equipe;
  • veja a situação com a perspectiva de quem está aplicando o feedback, afinal, colocar-se no lugar do outro é importante para analisar a situação com outra visão, assim, lidará melhor com o que está sendo apresentado;
  • preste atenção se o feedback é sobre o seu comportamento e, em caso afirmativo, transforme-o em algo positivo;
  • ouça atentamente para poder dar respostas coerentes e a conversa fluir abertamente;
  • agradeça o feedback e use-o de forma apropriada para fazer as mudanças necessárias;
  • tenha consciência de que você mesmo pode encontrar soluções confortáveis para mudar a situação e ser melhor a cada dia;
  • procure fazer as transformações de forma construtiva;
  • quando for a sua hora de falar, seja claro e expresse bem os seus sentimentos e o que pensa sobre o feedback.

Por fim, é importante que tanto quem vai aplicar quanto quem receberá o feedback faça dessa conversa algo saudável e construtivo. Logo, tenham em mente que juntos podem transformar o ambiente de trabalho em algo positivo para ambos.

Quais são os erros que devem ser evitados?

Assim como existem as atitudes corretas, é preciso ficar atento aos erros que precisam ser evitados na hora do feedback, por exemplo:

  • o feedback não é pessoal, e sim profissional, portanto, tome cuidado para a conversa não perder o rumo;
  • Não ser específico e não estruturar corretamente o feedback;
  • citar outros nomes no meio da conversa, de pessoas que não estejam presentes no local;
  • os feedbacks construtivos devem ser aplicados de modo individual e não em público;
  • não se preparar para aplicar o feedback;
  • trata-se de uma conversa séria, portanto, não deve haver piadas durante o feedback;
  • o feedback precisa ser aplicado com tempo, não pode ser algo corrido;
  • falar em tom punitivo.

As principais técnicas de feedback

Agora, conheça algumas técnicas para aplicar o feedback corretamente.

Feedback SCI

Trata-se do feedback que ensina os colaboradores a falar o que deve ser dito, de modo inteligente, absorvendo de maneira positiva, ou seja, deixa de ser somente uma conversa para uma bronca e passa a ser algo construtivo, uma troca de informações que contribuirá para alavancar a produtividade da empresa.

Feedback Sanduíche

É a técnica que diz para ser sincero sem ofender. A organização de ideias é o principal no contexto do feedback sanduíche, ajudando a elevar os pontos-chave dessa conversa, sejam eles positivos ou negativos. Portanto, a formação desse feedback é:

  • elogiar para preparar o colaborador;
  • falar sobre o ponto que precisa ser melhorado;
  • encorajar a pessoa a ser melhor, dando o norte de como fazer isso.

Feedback 360º

Essa é uma ferramenta de avaliação de desempenho, na qual uma pessoa é avaliada por todos a sua volta: superiores, subordinados, prestadores de serviço, clientes e por si mesmo. Um método utilizado para compreender as deficiências do colaborador e ajudá-lo a evoluir em suas competências.

Feedback Canvas

Aqui, temos uma ferramenta de avaliação de desempenho com o objetivo de criar um ambiente mais colaborativo e de confiança. Por meio dela, é possível que todos expressem o seu ponto de vista: gestor e todos os que compõem a equipe.

Banner_GIF_Profiler

Dicas de como oferecer feedbacks de acordo com o perfil comportamental

É muito importante que o gestor saiba identificar o comportamento de cada membro para aplicar o retorno corretamente. Feedback e perfil comportamental andam juntos dentro de uma gestão de pessoas. Afinal, saber usar a linguagem e tom de voz correto para iniciar essa conversa é fundamental para que ela seja positiva!

Para Comunicadores

O perfil comunicador é mais positivo, com habilidades mais racionais e bem informal. Portanto, ter uma conversa mais assertiva e otimista é a melhor saída para dar feedback para comunicadores. Dessa forma, você conseguirá prender a atenção para que absorvam melhor todo o conteúdo.

Para Analistas

Trata-se de pessoas que preferem trabalhar individualmente, com informações passadas de forma direta e mais formal. Normalmente, durante a conversa do feedback, o analista saberá o que existe de errado e o que deve fazer para mudar a situação. Mas é necessário que o feedback para analistas nunca seja na frente de outras pessoas, uma vez que eles não gostam de exposição.

Para Executores

Os executores são profissionais mais ágeis, que costumam fazer mais de uma atividade ao mesmo tempo. Eles não se sentem intimidados no momento do feedback, porém, para prender a atenção deles é preciso desafiá-los a serem melhores, a se doarem mais. Ainda, durante o feedback para executores seja objetivo e direto em suas observações.

Para Planejadores

Os planejadores são bons no trabalho em equipe, em tarefas que exijam atenção e se preocupam com o bem-estar de todos. Eles esperam ansiosamente pelo momento do feedback, pois precisam saber como estão se saindo em suas tarefas. Para estimular um colaborador, durante o feedback para planejadores é preciso que o gestor mostre que sabe que ele é capaz de se superar.

Viu como o feedback é importante para a empresa? Ainda, que há vantagens para a organização, gestores e colaboradores? Portanto, todos saem ganhando. Mas a ausência de feedbacks pode gerar transtornos. Logo, evite que isso aconteça e tenha sempre uma conversa direta e franca com a sua equipe.

Para que a sua gestão de pessoas se torne mais eficiente, conte com uma ferramenta completa! O Profiler Sólides é a plataforma perfeita para ajudar você!

3.7 3 votes
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments