Conheça 5 dicas para iniciar a gestão de pessoas nas pequenas empresas

SAIBA MAIS

Aqui você encontra:

A gestão de pessoas nas pequenas empresas é uma prática que proporciona muitas vantagens aos pequenos negócios. Por menor que seja a empresa, são as pessoas que fazem com que tudo aconteça. Por isso, é fundamental cuidar muito do capital humano.

Neste artigo, vamos explicar o que é a gestão de pessoas nas micro e pequenas empresas, mostrando seus desafios e benefícios. Além disso, daremos 5 dicas para que você possa iniciar uma gestão de pessoas eficiente em seu negócio. Confira!

O que é gestão de pessoas nas pequenas empresas? 

Trata-se de um conjunto de práticas que coloca o bem-estar e a qualidade das relações entre as pessoas em destaque, promovendo um clima organizacional saudável, considerando também a saúde mental no trabalho

Isso faz com que o ambiente de trabalho seja mais produtivo, gerando melhores resultados tanto para o negócio, quanto para os próprios funcionários.

Além das informações que você encontra nesta página, também temos um material com mais dicas para você começar a gestão de RH na sua empresa. Você pode baixar e consultar quando quiser!

Guia gratuito para estruturar seu RH do zero

Preencha o formulário e receba o material no seu e-mail 📩

Principais desafios da gestão de pessoas nas micro e pequenas empresas

Assim como acontece em qualquer iniciativa de gestão, existem desafios a serem enfrentados. No caso de empresas menores, o cuidado deve ser ainda maior, já que os impactos positivos e negativos são percebidos de forma mais intensa. Alguns pontos que merecem mais atenção são:

  • equipe enxuta, o que tende a sobrecarregar cada funcionário, que precisa realizar várias tarefas e assumir muitas responsabilidades;
  • orçamento limitado, o que pode dificultar a aquisição de recursos que ajudariam na rotina dos funcionários, como maquinários e sistemas automatizados;
  • pouca experiência no assunto, podendo adiar o desenvolvimento e a modernização do negócio como um todo.

Benefícios de ter uma gestão de pessoas eficiente em PMEs

Empreendedorismo e RH devem andar juntos para que os desafios que acabamos de citar sejam superados e a empresa alcance melhores resultados. Uma gestão de pessoas eficiente é capaz de proporcionar benefícios como:

  • funcionários mais motivados, com mais vontade de dar o seu melhor;
  • equipes mais entrosadas;
  • profissionais mais capacitados;
  • funcionários mais satisfeitos com seus cargos e atividades diárias;
  • lideranças mais eficientes.

Entenda qual é a diferença entre RH e Gestão de Pessoas

Como começar a gestão de pessoas nas pequenas empresas?

A gestão de pessoas nas pequenas empresas oferece muitos benefícios, mas nem sempre é fácil entender como e por onde começar. Por isso, trouxemos 5 dicas para que você possa adotar algumas práticas de forma mais imediata. Acompanhe!

1. Descubra o que motiva seus funcionários

A motivação é algo muito particular de cada pessoa, o que significa que nem sempre o mesmo estímulo será recebido de forma tão positiva por todos. Um erro bastante comum de pequenos empresários é pensar que seus funcionários ficarão satisfeitos com um presente ou benefício, de fato, perguntar a eles.

Sendo assim, é muito importante realizar uma pesquisa entre os funcionários para conhecê-los melhor. Saber do que eles mais gostam, se há alguma coisa que a empresa faz que os desagrada. Desse modo, as expectativas de todos são alinhadas. 

Entenda o que é a Síndrome de Boreout e como evitar o tédio no ambiente de trabalho

2. Melhore a comunicação com as pessoas

Se a sua empresa fosse uma cidade, cada setor seria um bairro e a comunicação seriam as ruas e avenidas. Uma rua com buracos no asfalto pode trazer transtornos aos moradores de um bairro, assim como uma comunicação ineficaz traz problemas a um setor.

Quando acontece um acidente em uma avenida que liga dois bairros, por exemplo, isso pode afetar toda a cidade. O mesmo se passa quando há um desentendimento entre pessoas de setores diferentes. A empresa pode até mesmo parar sua produção ou vendas por um momento, gerando prejuízos ao negócio.

Para ter uma comunicação eficaz, é importante cuidar de dois aspectos principais: estrutura e manutenção. Ao mesmo tempo, é preciso estabelecer boas conexões, é fundamental mantê-las ativas e saudáveis no dia a dia. 

Kit Gestão de RH: 7 materiais gratuitos para processos mais otimizados e estratégicos

3. Fortaleça o trabalho em equipe

O trabalho em equipe em pequenas empresas inspira ainda mais cuidado do que em grandes organizações. Isso acontece porque, se um time não está muito bem entrosado, os resultados entregues não são satisfatórios e podem afetar outros setores ou o resultado da empresa como um todo.

A formação de times não deve estar baseada apenas em habilidades técnicas, mas também nas comportamentais. Em um setor de contabilidade, podemos precisar de uma pessoa com mais facilidade em realizar lançamentos com agilidade e outra com boa capacidade analítica para a geração de relatórios. Uma não é melhor que a outra, mas sim se complementam.  

4. Valorize o conhecimento e a competência de cada funcionário

A sua empresa não é maior ou mais importante do que cada um de seus funcionários. Na verdade, ela é feita da soma de todos eles. Quando se dá a devida atenção a cada pessoa, em sua individualidade, fica muito mais fácil identificar e potencializar seus pontos fortes e, ao mesmo tempo, neutralizar os efeitos dos pontos negativos.

Entenda quem são os talentos da sua empresa. Em que cada um deles é bom e como isso pode ser aproveitado da melhor forma. Um profissional que está no cargo certo, exercendo as funções corretas, é muito mais feliz e, consequentemente, produtivo.

5. Invista em treinamento e desenvolvimento

Um dos principais diferenciais de pequenas empresas que são bem-sucedidas está no desenvolvimento de seus funcionários. É fundamental que as pessoas estejam preparadas para encarar novos desafios, em especial, para o crescimento do negócio.

Contratar profissionais mais experientes é bom, mas nem sempre será o suficiente para resolver um determinado problema. Quem já faz parte do time conhece bem os detalhes do negócio e pode entregar resultados muito melhores depois de aprimorar algumas habilidades.

Utilizando as ferramentas certas, é possível promover um grande salto de inovação em sua empresa. Um bom exemplo é o 9box Cultural, que permite acompanhar visualmente o desempenho dos funcionários em relação ao que a empresa espera e precisa deles. 

Sem achismos, o 9box Cultural mostra se o funcionário tem entregas de qualidade, se precisa ser desenvolvido em alguma habilidade, ainda, se chegou o momento de substituí-lo ou promovê-lo.

A gestão de pessoas nas pequenas empresas apresenta muitos desafios, mas é possível aplicá-la. Seguindo as dicas desse conteúdo e utilizando as ferramentas e metodologias certas, a sua empresa pode se beneficiar de uma gestão muito mais inteligente e eficiente.

Se gostou do post e deseja se aprofundar nesse tema, temos uma sugestão de material que certamente será muito útil para você. Baixe agora mesmo o e-book Gestão de RH para pequenas empresas.

Compartilhe:

Você também vai gostar!

Rolar para cima