Mantendo a produtividade dos comunicadores em home office

Tempo de leitura: 3 minutos

Quanto mais a gestão conhece os colaboradores e suas especificidades, melhor a performance e a produtividade. Pensando nisso, saber os perfis comportamentais pode ser fundamental para momentos de crise e obstáculos. Entender como agem os colaboradores comunicadores em home office ajuda a tomar ações para manter a eficiência.

Oferecer modalidades alternativas e flexibilidade para o horário de trabalho é uma estratégia de reforçar o sentimento de autonomia dos colaboradores e aumentar o engajamento.

Se você quer entender como conseguir motivar comunicadores em home office, continue a leitura para acompanhar nossas dicas!

As características gerais do perfil comunicador

Comunicadores tendem a ser mais extrovertidos, falantes, ativos e não gostam de rotina. São altamente adaptáveis, mas anseiam pelo contato interpessoal. Gostam de trabalhos que envolvem movimentação e autonomia.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Em cenários de home office, pode ser que a falta de interação pessoal seja um problema. Considerando momentos de dificuldade — como as tensões causadas pelo novo coronavírus —, os comunicadores tendem a ficar ansiosos para momentos de relacionamento com seus colegas de trabalho.

Outras características comportamentais dos comunicadores está em serem bastante amigáveis e vaidosos, admirando a sua projeção pessoal e social. Além disso, apresentam rapidez e agilidade nas suas atitudes.

O comportamento dos comunicadores em home office

Pessoas com esse perfil predominante prezam muito pelo dinamismo, a liberdade e a inovação que o trabalho remoto pode propor. Eles se comunicam muito, então também já estão acostumados e gostam de dar retorno sobre seu trabalho.

Em um curto prazo, esse perfil tende a se sair muito bem no home office. Porém, quanto mais for aumentando o período distante do trabalho pode acontecer alguns fatores de desafio. 

A ausência de colegas de trabalho pode gerar queda na motivação e, consequentemente, na produtividade. O fato de não ter pessoas para compartilhar suas conquistas, ou até mesmo tirar dúvidas, é um fator de frustração, porque esse perfil preza pela conexão.

Como a gestão pode motivá-los?

Perante os desafios de conexão dos colaboradores com o perfil comunicador, a gestão precisa estar próxima no momento de home office. Ou seja, os gestores precisam fazer com que os colaboradores sintam que eles estão disponíveis para qualquer eventualidade.

É interessante criar canais de comunicação eficientes, educar sobre o uso desses canais e compartilhar métodos para entregar as demandas. Ajudar na organização dos objetivos e no formato de reportar é o grande segredo, com o toque de proximidade. 

Propor discussões diárias motiva os comunicadores, pois continuam se sentindo parte e ouvidos — mesmo que distantes. Por isso, é aconselhável realizar ligações — seja entre o time toda ou individualmente com o colaborador.

Outro ponto interessante, seria propor para que o comunicador faça um treinamento para o time ou guie uma determinada reunião on-line, assim ele continuará se sentindo motivado. 

Como os comunicadores podem se automotivar?

Os comunicadores gostam de ambientes dinâmicos, mas sabem que eles são cenários de repletas distrações. Por isso, uma maneira de conseguir se automotivar para o trabalho é separar um espaço para trabalhar.

O home office pede dos comunicadores um cuidado maior com a responsabilidade das entregas e horários. Isso fortalece o comprometimento e o senso de credibilidade de cada colaborador. Os comunicadores podem exercitar o autogerenciamento, policiando-se nesse quesito.

Colocar metas pequenas ao longo do dia ajuda bastante. Ao cumpri-las, o colaborador pode se premiar: tirar uns momentos para distração, tomar um café, sair do local de trabalho para uma caminhada.

Os comunicadores em home office precisam de ajuda para conseguir manter uma estabilidade e rotina. Afinal, esse perfil tende a não gostar de estabelecer um cronograma repetitivo de atividades.

Ter um contato constante com esses profissionais é importante, e o feedback pode ser uma ferramenta essencial. Continue aprendendo sobre esse perfil e veja como dar um feedback adequado para comunicadores!

Banner_Infografico_Dicas_Reuniao_HomeOffice
0 0 vote
Article Rating


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments