Como o RH pode participar das decisões estratégicas de uma empresa?

Tempo de leitura: 3 minutos

A participação do departamento de RH dentro das empresas tem mudado a sua forma ao longos dos anos. De acordo com uma publicação da Infomoney em 2010, naquela época apenas 1 em cada 3 profissionais de RH influenciavam nas decisões estratégicas da empresa.

Felizmente, há alguns anos as organizações começaram a perceber que a integração entre recursos humanos e as estratégias das empresas era algo não só positivo, como também necessário. Anos depois da publicação da Infomoney, a Exame escreveu um artigo em 2015 sobre as características de um “novo RH” e o relacionamento deste com a empresa.

Como sabemos sobre a importância da participação desse setor nos planejamentos de uma empresa, vamos listar aqui alguns exemplos de como essa cooperação entre setores pode acontecer.

Métricas

Se olharmos as métricas do departamento de Recursos Humanos, provavelmente pensaremos que elas se tratam apenas de números que exercem alguma função no setor. Na realidade esses números exercem sim uma função muito importante para o departamento, porém, quando interpretados de maneira correta, eles podem também ser extremamente úteis para diversas outras áreas de um negócio.

Alguns números como os níveis de produtividade, taxas de rotatividade ou custo por contratação, por exemplo, são capazes de oferecer uma noção financeira de quanto o capital humano da empresa produz e o quanto ele custa. Esse tipo de cálculo é interessante para a tomada de decisões estratégicas e também para saber onde os colaboradores precisam de investimento.

Pode parecer que não mas a gestão de pessoas e o trabalho dos profissionais de RH estão ambos diretamente relacionados com os aspectos financeiros de uma organização. Por essa razão, consultar o RH ao realizar um planejamento pode ser crucial.

Plano de carreira

Um dos maiores sonhos de um departamento de RH é que um profissional competente entre dentro de uma organização e construa um plano de carreira dentro dela. Geralmente é dessa maneira que as taxas de rotatividade se mantêm equilibradas e que uma liderança madura se constrói.

São os planos de carreira de um talento em conjunto com o departamento de RH que vão dizer muito sobre a organização interna de uma empresa. Por esse motivo, quando a gestão está planejando realizar promoções, reestruturar cargos, realizar alguma mudança na liderança ou qualquer tipo de planejamento estratégico interno, os profissionais de RH da empresa precisam ser consultados.

Previsibilidade

De acordo com uma matéria publicada no Estadão, alguns profissionais de RH que são referência no mercado, evidenciam a capacidade de previsão desse departamento. De acordo com eles, o RH estratégico faz a conexão entre os diferentes setores da empresa e é capaz de construir cenários e apresentar tendências.

Esse tipo de habilidade é adquirida pelo RH através da coleta dos dados certos e da otimização na hora do aproveitamento de informações. O segredo é saber quais dados coletar dos seus colaboradores e de que maneira eles podem ser usados para o planejamento geral.

Se você gostou do nosso conteúdo e quer aprender um pouco mais sobre RH estratégico, não deixe de ler o nosso eBook Planejamento Estratégico: como alavancar meu RH!

resultados-cta-blog

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of