Como implementar um plano de sucessão?

Tempo de leitura: 4 minutos

Um ambiente empresarial sempre está propenso a mudanças de proprietários, gestores, líderes e diretores. Desta forma, se a organização deseja passar por estes momentos com maior segurança e tranquilidade, o profissional de RH deve saber como implementar um plano de sucessão. 

O plano de sucessão, nada mais é que um processo voltado para a definição de substitutos de lideranças nas empresas com intuito de prepará-los para assumir essas determinadas funções com maior facilidade. Afinal, algumas alterações como, uma sucessão empresarial, por exemplo, podem até mesmo, definir o futuro da empresa.

Você, como um profissional de RH, se sente preparado, caso ocorra tais mudanças na sua equipe? Ao longo desta leitura, iremos mostrar a importância do plano de sucessão dentro de uma organização e, também dar algumas dicas para implantar esse processo na sua empresa de forma bem elaborada e eficaz. Então, continue lendo!

Qual a importância do plano de sucessão para a empresa?

A marca que a empresa deixa no mercado é de extrema importância. Caso seus sucessores estejam despreparados, a empresa corre o risco de perder sua identidade, suas características e até mesmo, seus clientes. Isso ocorre porque quando a empresa perde sua essência, os colaboradores perderão um pouco da sua produtividade, o engajamento  cairá, impactando diretamente no seu resultado final. 

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Uma administração que fuja totalmente ao clima e a cultura organizacional da empresa, também pode trazer resistência por parte de alguns colaboradores, principalmente os mais antigos. Desta forma, é imprescindível que o processo de sucessão seja feito da forma mais organizada possível, evitando estresse, tensões e, até mesmo, demissões. 

Dicas para elaborar um plano de sucessão

Cada plano de sucessão possui características próprias, de acordo com a estrutura atual da empresa e uma previsão de uma estrutura futura. Porém, existem alguns passos básicos para implementar essa estratégia na sua organização:

1. Se antecipe

Agora que você sabe a importância do plano de sucessão na sua empresa, o primeiro passo é não esperar que algum colaborador manifeste a intenção de deixar a empresa para que você comece a pensar em alguém para substituí-lo.

Pois, caso isso aconteça, será mais difícil identificar um sucessor e capacitá-lo em tempo hábil. Desta forma, tenha sempre em mente opções de profissionais que possam assumir cargos de liderança na empresa.

2. Conte com mais de uma possibilidade

Quando se trata de um plano de sucessão, quanto mais opções de profissionais para ocupar cargos importantes, melhor. Um bom plano de carreira pode auxiliar você a mapear esses sucessores dentro da sua empresa e, quando você pode contar com mais de uma possibilidade, você se sentirá mais segura, caso ocorra algum contratempo. 

Observe seus colaboradores e, sempre que você identificar características e ações que possam  transformá-lo em um bom líder, crie um arquivo e vá preenchendo com essas informações. Isso facilitará na elaboração do seu plano de sucessão.

3. Teste seus colaboradores

Aproveite momentos como férias ou licenças médicas de colaboradores-chave para testar seus possíveis sucessores. Além de dar oportunidade para que o profissional possa mostrar suas habilidades e adquirir maior experiência, você poderá avaliar e constatar se ele é o colaborador ideal para uma sucessão. 

4. Faça a gestão do plano de sucessão

Todo plano precisa de transparência na sua organização e gestão. Essa etapa envolve além de um mapeamento dos profissionais e suas habilidades, uma análise dos perfis ideais para cada cargo. Além disso, é necessário realizar reuniões, criações de cronogramas, mapear quais cargos farão parte desse plano, treinamentos de liderança, entre outras ações. 

Concluindo, saber como implementar um plano de sucessão pode ser um desafio na empresa. Porém, o profissional de RH deve estar ciente que o ambiente organizacional é volátil e, o plano de sucessão garante que seus colaboradores não sintam de forma negativa uma sucessão e continuem motivados e engajados, fazendo com que a empresa continue a crescer.

E aí, gostou das nossas dicas? Então aproveite para assinar nossa newsletter e, continuar sempre atento às boas práticas de RH!


Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of