Como lidar com os colaboradores de cada geração?

Tempo de leitura: 6 minutos

É um fato visível que pessoas estão vivendo por mais tempo, e, consequentemente, trabalhando por mais tempo. Atualmente, o mercado de trabalho é composto por, no mínimo, três gerações que se distinguem bastante entre si.

Obviamente, essas gerações possuem valores diferentes, maneiras diferentes de se comunicar, agir, ou tomar decisões. A diferença entre os contextos que originaram cada uma dessas gerações é exorbitante e é por isso que esse contexto tem um grande impacto na discrepância existente entre elas.

Para ter uma noção de como esse contexto afeta muito no comportamento de cada uma, é só pensar em como era a organização do mundo e da sociedade na época em que seus pais eram crianças, por exemplo. Imagine como era um mundo sem internet, computadores, ou até mesmo meios de tecnologia mais antigos, como a televisão.

Sabemos da influência que todos esses meios exercem dentro da sociedade e da organização dela. Por isso, talvez se não tivermos vivido na época em que não existia televisão, por exemplo, já podemos imaginar que a dinâmica do compartilhamento de informações era algo completamente diferente do que é hoje.

https://drive.google.com/file/d/1N-Hh7HWo8yWcyp0VtLm5Yk1qenYYebi-/view?usp=sharing

Recentemente, uma pesquisa constatou que a geração Millennials – pessoas que nasceram entre 1980 e 2000 – estão entrando com toda a força no mercado de trabalho e, nos Estados Unidos, já compõem a maior parcela dos trabalhadores do país. Enquanto isso, a Geração X e os Babyboomers são os mais velhos nesse mercado e, com a introdução de uma nova geração, podem estar passando por algumas dificuldades.

Ao passo que a Geração X e os Babyboomers são mais conservadores com métodos e processos, valorizam o trabalho duro, dedicação e estabilidade, os Millennials estão incorporando novas características às rotinas de trabalho. Essa geração é mais dinâmica, nasceu junto com a internet e a tecnologia moderna e não conhece o mundo de outra maneira. Estabilidade para eles não é uma prioridade.

Pensando nisso e em todas as divergências existentes entre essa geração e as outras, como será que se dá o relacionamento entre elas? Como um gestor que faz parte da geração X pode coordenar de maneira efetiva uma equipe de Millennials? Além disso, como um gestor ou um líder pode contribuir para o bom relacionamento entre as gerações que trabalham juntas?

Certamente, todas essas dúvidas estão presentes dentro das empresas que dispõem de uma mistura de gerações entre os seus colaboradores. Por mais que pareça difícil, é possível sim conviver com todas elas, além de estimular a boa convivência entre cada uma. Continue lendo e vamos te mostrar como!

Reconheça as diferenças

Você como um líder, gestor, profissional de RH ou um colaborador de uma empresa, precisa entender que o primeiro passo para lidar com outras gerações ou melhorar a convivência entre elas, é, sem dúvida, reconhecer e respeitar essas diferenças que existem.

Isso não significa que as pessoas devem ser inflexíveis sem fazer esforços para mudar algumas coisas que podem incomodar um time e, além disso, também não significa ser passivo e aceitar qualquer tipo de comportamento. Reconhecer e respeitar está longe disso.

As diferenças existem, influenciam um ambiente de trabalho e por isso, todos devem tentar praticar a empatia para enxergar a visão do outro e equilibrar os comportamentos dentro de uma organização. Dessa forma, com certeza a harmonia entre os colaboradores prevalecerá e isso também irá influenciar positivamente na produtividade de cada um.

Combine formalidade e informalidade

Cada geração enxerga o ambiente de trabalho de uma maneira. Enquanto os Babyboomers e a Geração X estão acostumados com a formalidade de uma rotina de trabalho tradicional, os Millennials não se sentem nada atraídos por ela.

O segredo para manter seus colaboradores mais antigos sem abrir mão de novos talentos mais jovens, é exatamente encontrar um meio termo que agrade os dois lados. A formalidade tradicional vem perdendo o espaço enquanto a cultura de informalidade ganha força e é certo que isso gera conflitos culturais.

O que os gestores podem fazer, nesse caso, é estabelecer o equilíbrio que já comentamos e deixar claro os limites para as informalidades tanto no trabalho, quanto nos relacionamentos existentes dentro dele.

Foque na comunicação

A comunicação é, certamente, um dos aspectos onde as divergências entre as gerações se encontram mais evidentes. Enquanto os Millennials nasceram e cresceram em um mundo onde a comunicação já era rápida e praticamente instantânea, as gerações anteriores, apesar de inseridas no mesmo contexto atualmente, não agem da mesma maneira em relação a isso.

Muito provavelmente cada grupo terá preferências relacionadas à maneira de se comunicar. Seja pessoalmente, através de emails, aplicativos de mensagens instantâneas, o importante é que a comunicação aconteça de fato e que essas pessoas se sintam confortáveis com a forma com que a realizam.

Pensando nisso, é importante dar liberdade para os colaboradores para que eles escolham a maneira mais agradável para cada um, sob a condição de que a pessoa que irá receber a mensagem, também tenha a possibilidade de utilização do mesmo meio, de forma que a comunicação cumpra o seu objetivo final.

Tenha abordagens personalizadas

Mesmo que pareça repetitivo, é importante sempre bater nessa tecla sobre equilíbrio e flexibilidade. As diferenças comportamentais que existem entre as gerações exigem abordagens específicas para cada uma. Se um gestor ou o RH de uma empresa tiver uma abordagem padrão com todas elas, o resultado será a falta de eficiência.

Independente do tipo de abordagem que será feita, a única condição existente é que ela seja personalizada para responder às demandas e valores de cada geração. Pensar em como se comunicar, como se portar e até como fazer exigências para cada uma delas, é relevante.

Todo esse processo de aprender a lidar e conhecer as pessoas que trabalham com você é apenas uma pequena parte de algo muito maior que é a gestão de pessoas. Para continuar aprendendo sobre isso e poder aplicar dentro do seu contexto, faça o download gratuito do nosso ebook Gestão de Pessoas e conte pra gente o que você achou!


2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] e o perfil comportamental de cada indivíduo que faz parte do time também mudaram. As diferentes gerações de trabalho exigem um novo modelo de gerenciamento. Passando dos baby boomers aos millennials, chegando na […]

trackback

… [Trackback]

[…] Read More: blog.solides.com.br/colaboradores-de-cada-geracao/ […]